Home Page > Raças & Espécies > Cães > Pastor polonês da planície

Pastor polonês da planície

pastorpolonesdaplanicie

País de origem: Polônia
Nome no país de origem: Polski Owczarek Nizinny
Utilização: Cão fácil de guiar, trabalha como cão de pastoreio e
guarda. Quando movido para a vida na cidade, é um
ótimo cão de companhia.
Sem prova de trabalho
APARÊNCIA GERAL: é um cão de tamanho médio, compacto, forte, musculoso,
com uma pelagem longa e espessa. Sua pelagem bem tratada dá uma aparê;ncia atrativa
e interessante.
PROPORÇÕES IMPORTANTES: as proporções da altura na cernelha para o
comprimento do corpo é de 9/10. O comprimento do focinho para o comprimento
do crânio é de 1/1, mas ainda assim o focinho pode ser um pouco mais curto.
COMPRIMENTO / TEMPERAMENTO: de uma disposição viva mas suave,
vigilante, ágil, inteligente, perceptivo e dotado de uma boa memória. Resistente à
condições climáticas não favoráveis.
CABEÇA: dimensão média, proporcional, não muito pesada. A pelagem espessa do
focinho, das bochechas e do queixo dá à cabeça uma impressão de ser mais pesada
do que realmente é.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: não excessivamente largo, ligeiramente arredondado. O sulco frontal e a
protuberância occipital são perceptíveis.
Stop: bem acentuado.
REGIÃO FACIAL
Trufa:tão escuro quanto possível em relação a cor da pelagem, com narinas grandes.
Focinho: forte, grosso.Cana nasal reta.
Lábios: bem aderentes; suas comissuras labiais são da mesma cor que a trufa.
Maxilares / Dentes: maxilares fortes. Dentes fortes, mordedura em tesoura ou em
torquê;s.
4
Olhos: tamanho médio, ovais, não são protuberantes, cor de avelã, com um olhar
vivo e agudo. As rimas palpebrais dos olhos são pretas.
Orelhas: pendentes, inseridas bastante altas, de tamanho médio, em forma de coração;
largas na base; as bordas exteriores são próximas da bochecha; muito móveis.
PESCOÇO: tamanho médio, forte, musculoso, sem barbelas, portado quase
horizontalmente.
TRONCO
Contorno: mais para retangular do que quadrado.
Cernelha: bem acentuada.
Dorso: plano, bem musculoso.
Lombo: largo, bem fundido.
Garupa: curta, ligeiramente truncada.
Peito: profundo, de largura média; costelas de bom arqueamento, nem planas nem
em barril.
Linha inferior: formando uma elegante curva em direção a parte posterior.
CAUDA
• curta ou cauda cotó, cauda cortada muito curta.
• cauda não cortada, bastante longa e com muitos pelos. Em repouso, a cauda é
pendente; se o cão está em alerta, a cauda fica alegremente curvada, nunca enrolada
ou deitada sobre o dorso. Cauda não cortada de tamanho médio, portada de
diferentes maneiras.
MEMBROS
ANTERIORES: vistos de perfil e de frente, são verticais e retos. A postura é bem
balanceada, devido a um forte esqueleto (estrutura óssea).
5
Ombros: largos, de comprimento médio, oblíquos, bem definidos, muito musculosos.
Metacarpos: ligeiramente, oblíquos em relação ao braço.
Patas: ovais, dedos fechados, almofadas ligeiramente arqueadas, realmente duras.
Unhas curtas, as mais escuras possíveis.
POSTERIORES: vistos por trás, são verticais e bem angulados.
Coxas: largas, bem musculosas.
Jarretes: bem desenvolvidos.
Patas: compactas, de forma oval.
MOVIMENTAÇÃO: fácil, cobrindo bem o solo. Passo ou trote suave (sem muito
deslocamento vertical). O cão frequentemente anda à passo de camelo, quando
caminha devagar.
PELE: bem aderente, sem dobras.
PELAGEM
Pelo: todo o corpo é coberto por pelos ásperos, densos, grossos e profusos; subpelo
macio. Pelo reto ou ligeiramente ondulado é aceito. O pelo caindo sobre o focinho,
cobrindo os olhos é uma característica.
COR: todas as cores e manchas são aceitas.
TAMANHO
Altura na cernelha: machos: 45 - 50 cm.
fê;meas: 42 - 47 cm.
O cão deve manter o tipo de um cão de trabalho. Consequentemente seu tamanho
não deve ser abaixo do padrão; não deve ser nem muito fraco, nem delicado.
6
FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como
falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade.
• todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento
deve ser desqualificado.
NOTA:
• os machos devem apresentar os dois testículos, de aparê;ncia normal, bem
desenvolvidos e acomodados na bolsa escrotal.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletCachorro Perigoso

bulletHomem-aranha

bulletPassarinho

bulletCavalos Selvagens

bulletConversa pra boi dormir



Dicas Veterinárias:

bulletCiclo de vida dos equinos

bullet6 coisas para fazer seu gato feliz

bulletVisão noturna dos cães

bulletPor que castrar ou não castrar cães machos

bulletAnsiedade de separação



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Fernanda Aparecida de Gouv?a Oliveira Paro bióloga e crbio 43684/01 protetora animal independente educadora ambiental nanda_paro@yahoocombr>

bullet Juliane Seixas Juliane Seixas Website.: www.facebook.com/veterinariadrajulianeseixas Graduada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR. Atua como plantonista na área clínica e cirurgica de animais de companhia CRMV: 11430 / PR Cont>

bullet Katherine P. Colomba>

bullet Matheus Rodrigues Bonfim matheus@petlive.com.br>

bullet Priscila Thomazelli Atleta, Amazonas, Instrutora e Treinadora de Equitação Engenharia Civil, de Segurrança do Trabalho, Meio Ambiente e Qualidade (11) 9 9944-2168 www.dressagearteequestre.com>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletA maldição dos gatos (the uncanny

bulletO dia do gato

bulletAmor pra cachorro (year of the dog)

bulletAracnofobia

bulletO filho do ace ventura



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletA volta do gato preto

bulletEnfermidades dos cavalos

bulletO gato que falava com fantasmas

bulletMais que um leao por dia

bullet4 vidas de um cachorro

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos