Home Page > Raças & Espécies > Cães > Ovelheiro gaúcho

Ovelheiro gaúcho

ovelheirogaucho

País de origem: Brasil
Nome no país de origem: Ovelheiro Gaúcho
Utilização: Pastoreio
Prova de trabalho: Não regulamentada
RESUMO HISTÓRICO: é o cão do gaúcho, fiel e inseparável companheiro. O Rio
Grande do Sul (Brasil), com sua vasta extensão territorial, sempre foi local propício à
agropecuária. Desde o remoto início do povoamento, quando começaram a perambular,
pela imensidão do pampa, os ameríndios, os primeiros aventureiros espanhóis e
portugueses, os campos foram enriquecendo devido às grandes manadas de eqüinos
provenientes de alguns cavalos e éguas que se salvaram de um naufrágio, em 1512, e
aos valiosos rebanhos de gado bovino, provindos principalmente das reduções jesuíticas.
Também a criação de ovinos começou a ter grande influê;ncia na economia local. Para
auxiliar no cuidado dos rebanhos, os cães passaram a ser utilizados com grande
aceitação.
Por serem descendentes de cães de pastoreio, tê;m grandes qualidades exigidas no
trato com as delicadas ovelhas, mas também sabem como comandar um rebanho bovino
quando necessário.
O gaúcho aprendeu a dar valor ao seu inseparável companheiro, pois dois ou trê;s cães
e um peão conseguem, sozinhos, dar conta do pastoreio de um rebanho. Em certas
propriedades, o peão é contratado em função do cão ovelheiro que possui.
FUNÇÃO: o Ovelheiro Gaúcho é um cão diretamente ligado ao trabalho do campo,
com a missão de acompanhar o peão em suas lides rurais, desempenhando a função de
conduzir as ovelhas, buscando-as no campo e levando-as a bretes e piquetes. Guardálas
e protegê;-las de outros animais e, até mesmo, de cães e de pessoas desconhecidas,
são também funções dessa raça.
Quando em trabalho, ao transferir as ovelhas do pasto, viaja ao lado do rebanho ou
atrás conduzindo-as, retomando em seguida à retaguarda para verificar as retardatárias
e as que, eventualmente, tenham se afastado do rebanho, a fim de mantê;-las unidas.
Quando o rebanho se instala, os cães se deitam em posição de guarda. Na rotina de
trabalho, nas fazendas, é muito comum fazerem toda a lida sozinhos, dispensando,
inclusive, a companhia do peão. Podemos acrescentar que o ovelheiro gaúcho trabalha
não só com ovelhas, mas também com qualquer tipo de rebanho. No pampa gaúcho,
quando se contrata um peão, é fundamental que esse saiba lidar com os cães. Um bom
Ovelheiro substitui, com tranqüilidade, trê;s homens, e um peão sem cão, vale meio
peão.
APARÊNCIA GERAL: de tamanho e estrutura medianos, com pelagem não muito
longa, possui grande resistê;ncia, agilidade e rusticidade.
4
TEMPERAMENTO: de fácil adaptação para atender os comandos, sem ser agressivo
com o rebanho. Dócil e amigável com as pessoas com quem convive.
CABEÇA: de tamanho médio, proporcional ao corpo. Vista de cima, tem forma
triangular.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: relação crânio-focinho 1:1.
Stop: moderado.
REGIÃO FACIAL
Trufa: de cor preta, nos preto e branco, podendo ser mais clara nos de pelagem dourada.
E, nos merles, pode apresentar despigmentação parcial.
Focinho: forte e reto.
Lábios: comissura labial seca, bem pigmentada, escura, de acordo com a cor da
pelagem.
Dentes: mordedura em tesoura.
Olhos: amendoados, preferencialmente escuros; nos merles, pode haver um olho de 2
cores ou ainda, um olho de cada cor.
Orelhas: de inserção alta, triangulares, porte alto, eretas, semi-eretas ou pendentes
em forma de botão.
PESCOÇO: forte e sem barbelas.
TRONCO
Tronco: peito profundo e largo.
Dorso: forte e firme. Linha superior levemente elevada no lombo.
Lombo: curto e garupa levemente arredondada.
Linha Inferior: levemente esgalgada.
5
CAUDA: grossa na raiz, de inserção alta, portada baixa, podendo enrolar na
extremidade, com pelagem longa na face inferior. Quando em trabalho, pode-se elevar
acima da linha do dorso.
MEMBROS
ANTERIORES: retos, paralelos, firmes, pés de lebre, com dígitos fortes.
POSTERIORES: com boa propulsão, bem angulados e jarretes curtos.
PELAGEM
Pelo: deve ser adaptado às intempéries e mudanças climáticas. Pelos médios e
abundantes. Pelagem mais rala nos cotovelos e jarretes.
COR: todas as cores são admitidas.
ALTURA: machos e fê;meas: 55 a 65 cm.
MOVIMENTAÇÃO: grande potencial de locomoção com passadas largas e fluentes.
6
FALTAS: as gerais. Qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado
como falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade.
NOTA:
• os machos devem apresentar os dois testículos, de aparê;ncia normal, bem descidos
e acomodados na bolsa escrotal.
• todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento
deve ser desqualificado.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletCabeção da tartaruga ki prazer

bulletOlha o caminho da roça!

bulletHomem aranha kuarto de empregada

bulletSai cachorro charanga e chará

bulletPonbinha branca



Dicas Veterinárias:

bulletProblemas ósseos dos animais em crescimento

bulletExenteração

bulletPraga em cães

bulletErupção cutânea devido ao contato com substâncias irritantes ? cães

bullet4 passos para seu cão virar amigo da escova de dentes



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Dr. Ciro Pinheiro Mathias Franco Medico Veterinário atuante em odontologia eqüina. Cel. (11) 9814 6666 E mail: ciromedvet@ig.com.br>

bullet Nélio Carrara F? Hannover Hipismo>

bullet Camila Mello, adestradora franqueada da C?o Cidad?o>

bullet Roberto Delort A. Leite e Laura Celi de Souza Silva >

bullet Chani Blue http://www.epochtimes.com.br/equoterapiaeficazcombateproblemaspsicologicos/>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletA quinta execução

bulletDeu a louca nos bichos

bulletGato e rato (yu mao san xi jin mao shu)

bulletA morte anda a cavalo (da uomo a uomo / death rides a horse)

bulletCaninos brancos



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletPasso, trote, galope - uma familia e seus cavalos

bulletEu não sou cachorro, não

bulletO selo da agonia - livro dos cavalos

bulletLivro dos passaros magicos, o

bulletO gato de botas

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos