Home Page > Raças & Espécies > Cães > Cao da groenlândia

Cao da groenlândia

caodagroenlandia

País de origem: Groenlândia
País patrono: Dinamarca
Nome no país de origem: Grønlandshund
Utilização: Cão de Trenó
Sem prova de trabalho
RESUMO HISTÓRICO: o Cão da Groenlândia é uma das raças mais antigas do
mundo e foi usada desde os tempos mais remotos, pelos Esquimós, com propósitos de
transporte e caça. A seleção dos exemplares para a criação foi baseada principalmente
nas qualidades tais como força, rusticidade e resistê;ncia, mas uma aparê;ncia atraente
também foi mantida. Com uma natureza robusta o Cão da Groenlândia é especialmente
um cão para aqueles que apreciam a vida ao ar livre. É um excelente companheiro para
pessoas que gostam de passear pelos bosques ou montanhas com seu cão carregando
suas bagagens.
APARÊNCIA GERAL: é um spitz polar muito forte, construído para a resistê;ncia
e trabalhos extenuantes como cão de trenó sob as condições do Ártico. Alguma
variação no tamanho é permitida, desde que a habilidade para o trabalho e harmonia
não sejam afetadas.
PROPORÇÕES IMPORTANTES: o corpo é retangular e curto com relação a altura
na cernelha com o comprimento do tronco é de 10:11. Nas fê;meas são permitidas um
tronco um pouco mais longo.
COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: as qualidades temperamentais
predominantes no Cão da Groenlândia são a energia, força mental e coragem. É
um apaixonado e incansável cão de trenó. Com pessoas – também os estranhos – é
amigável, e, ao passo que como cão de trenó não está vinculado a uma pessoa em
particular, e assim, não adequado como cão de guarda. Na caça às focas e ursos polares
demonstra um forte instinto de caça.
CABEÇA
REGIÃO CRANIANA
Crânio: largo e ligeiramente arqueado; mais largo entre as orelhas.
Stop: defi nido, mas não fortemente marcado.
REGIÃO FACIAL
Tr ufa: grande e escura, de acordo com a cor da pelagem. Frequentemente de cor
fígado em cães com a pelagem vermelhodourado.
Pode tornarse
rosa durante o
inverno (“trufa de neve”).
Focinho: em forma de cunha, largo na base e afi nando em direção à trufa, mas não
pontudo. A cana nasal é reta e larga do stop para a trufa.
Lábios: fi nos e aderentes, estendendose
muito próximos aos poderosos dentes.
Maxilares / Dentes: maxilares poderosos com uma dentição regular, sadios e fortes.
Mordedura em tesoura.
Olhos: escuros, são preferidos, mas a cor de acordo com a pelagem é aceita. São
ligeiramente inclinados e sem implantação profunda ou protuberante. Expressão
franca e destemida. Pálpebras bem ajustadas.
Orelhas: bastante pequenas, triangulares, com as extremidades arredondadas, portadas
fi rmemente eretas. São muito móveis e expressivas com respeito a sua posição.
PESCOÇO: muito poderoso e bastante curto.
TRONCO: forte e bastante compacto, ligeiramente mais longo que a altura na
cernelha.
Linha Superior : nivelada ou ligeiramente inclinada.
Dorso: reto.
Lombo: largo.
Garupa: ligeiramente inclinada.
Peito: profundo e largo, porém as costelas não devem ser em forma de barril.
Ventre: seguindo a linha do peito. Aceitase
um ligeiro esgalgamento.
CAUDA: de inserção alta, grossa e densa. Portada em curva ou ligeiramente enrolada
sobre o dorso.
MEMBROS:
ANTERIORES: vistos pela frente, são perfeitamente retos, musculatura poderosa
e ossatura pesada.
6
Ombros: moderadamente inclinados.
Br aços: retos e fortes, um pouco mais longos que as escápulas.
Cotovelos: bem ajustados ao corpo, mas capaz de moverse
livremente.
Antebr aços: retos e fortes.
Articulação do car po: forte e fl exível.
Metacarpos: fortes e elásticos, ligeiramente inclinados.
Patas: de preferê;ncia grandes, poderosas e redondas, com unhas e almofadas fortes.
POSTERIORES: vistos por trás, são perfeitamente retos. Muito musculosos com
ossatura poderosa e moderada angulação.
Coxas: poderosas e muito musculosas.
J arretes: largos e fortes. Moderadamente angulados.
Patas: de preferê;ncia grandes, poderosas e redondas, com unhas e almofadas fortes.
MOVIMENTAÇÃO: um trote efi ciente, harmonioso, fl uente e incansável é essencial
para um cão de trenó. Em pista o cão deve ser mostrado com a guia solta e num trote
moderado para mostrar bom alcance e propulsão. Visto de frente, quando caminha, o
Cão da Groenlândia não se move em single tracking, mas a medida que a velocidade
aumenta os membros convergem gradualmente para dentro seguindo uma só linha.
PELAGEM
Pelo: duplo pelo, isto é, um subpelo macio e uma pelagem consistente e densa, reta,
pelos rústicos sem serem encaracolados ou ondulados. Na cabeça e nos membros a
pelagem é mais para curta; no tronco mais longa e mais abundante. O pelo é longo
na linha inferior da cauda, dando à ela uma aparê;ncia frondosa.
COR: qualquer cor sólida
ou particolor é
permitida, exceto os albinos que devem
ser desqualifi cados.
ALTURA
Altura da cernelha: para machos: acima de 60 cm.
para fê;meas: acima de 55 cm.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletA Lenda do Peixe Francês Validuaté

bulletTristeza do jeca

bulletDona

bulletTrês Passarinhos

bulletBoi soberano tião carreiro e pardinho



Dicas Veterinárias:

bulletA brucelose nos equinos

bulletPneumonia (intersticial) em cães

bulletAnimais silvestres

bulletComo tirar o cheiro de xixi de cachorro da sua casa

bulletCranio e anormalidades da medula espinhal em caes



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet O Clube Pet Memorial está localizado na Avenida Sadae Takagi, 860, em S?o Bernardo do Campo, no Grande ABC, acesso pelo km 20 da Rodovia dos Imigrantes, telefones (11) 4343.0000 e (13) 3222.2949, 0800.772.8885 site www.petmemorial.com.br>

bullet Susana Reinhardt Cintra Superintendente do Serviço de Registro Genealógico da Raça Bret?o, Zootecnista. ABCCBret?o (19) 38077974/ 97154545 (Susana). Email: cavalobretao@uol.com.br. André Galv?o Cintra Presidente da ABBCBret?o e Criador>

bullet CEPAV Centro de Patologia Clínica Veterinária Ltda. Rua Tanabi, 185 Água Branca S?o Paulo SP. CEP. 05002 010 Tel.: (11) 3872 9553>

bullet Israel M. BleichDiretor Técnico do Laboratório CEPAV Tecnologia em Saúde AnimalR. Tanabí, 185 S?o Paulo SP BRASILCEP05002010 Fone/Fax (011) 38729553email: info@cepav.com.br>

bullet Priscila Thomazelli Atleta, Amazonas, Instrutora e Treinadora de Equitação Engenharia Civil, de Segurrança do Trabalho, Meio Ambiente e Qualidade (11) 9 9944-2168 www.dressagearteequestre.com>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletQuanto pesa o cavalo de tróia? (ile wazy kon trojanski?)

bulletSoltando os cachorros (the shaggy dog)

bulletPássaros excêntricos (pretty bird)

bulletMamãe virei um peixe (hjælp, jeg er en fisk)

bulletO gato (dr seuss the cat in the hat)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletVida de cão

bulletExplicação dos pássaros

bulletO homem que amava os cachorros

bulletAtlas colorido de anatomia veterinária do cão e gato

bulletCachorro tem cada uma

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos