Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Raças & Espécies > Cães > cao de castro laboreira

Compartilhe em suas redes sociais:

cao de castro laboreira

caodecastrolaboreira
Histórico histórico: uma das mais antigas raças da península ibérica, deve
seu nome a uma pequena aldeia chamada "castro laboreiro", localizada no município
de melgaço no extremo norte de portugal, de onde é originária é uma região rústica e montanhosa, que vai do rio minho para as montanhas peneda e soajo, com altitudes
de aproximadamente 1400m é delimitada pelos rios minho, trancoso, laboreiro e
mouro
aparência geral: a raça tem ligeiramente o tipo do mastiff um animal
vigoroso, de aparência agradável e muitas vezes de pelagem impressionante tem
uma expressão severa e séria, bem como a rusticidade de um montanhês
proporções importantes: moderadamente longo (sub-longilíneo), com
relação de 7:6 do comprimento do corpo para a altura na cernelha; a profundidade de
peito é ligeiramente menor que a metade da altura da cernelha os eixos superiores
crânio-faciais são ligeiramente divergentes o focinho é ligeiramente mais curto que o
crânio, isto é, a relação crânio-focinho é de 6:5
comportamento / temperamento: um companheiro leal e dócil para
com a própria família, essencial na proteção dos rebanhos contra os ataques de
lobos, que na área de origem da raça ainda são muito frequentes devido a sua
constante vigilância, é o cão de guarda ideal para a propriedade que lhe for confiada,
patrulhando-a frequentemente de natureza nobre muito ágil e ativo, às vezes toma
atitude hostil, mas não é brigão ele tem como característica o latido de alerta, que
começa com um som grave, ascendendo para uma baixa frequência e terminando
com sons prolongados de alta frequência
cabeça: de tamanho médio, mais para leve do que grosseira; seca sem ser esguia;
pele bem desenvolvida, mas sem rugas; longa, tendendo para retilínea
região craniana
crânio: moderadamente desenvolvido, suavemente proeminente e moderadamente
largo os eixos superiores crânio-faciais são ligeiramente divergentes, com um perfil
tendendo para o retilíneo as arcadas superciliares são levemente desenvolvidas,
com sulco frontal quase imperceptível protuberância occipital não pronunciadastop: não pronunciado, localizado à maior distância da protuberância occiptal que
da ponta da trufa
5
região facial
trufa: bem desenvolvida, em linha com a cana nasal e volumosa narinas bem abertas,
sempre pretas
focinho: longo, reto, forte; afilando gradualmente em direção à ponta da trufa, porém,
sem ser estreito ou pontudo
lábios: bem entalhados, com comissuras labiais medianas e imperceptíveis; nem
pendentes nem carnudos as membranas mucosas do palato e das bordas labiais são
fortemente pigmentadas de preto
maxilares / dentes: poderosos, bem musculosos e com bom encaixe dentição
completa, com dentes fortes, brancos, bem ajustados entre si e bem inseridos nas
mandíbulas mordedura em tesoura (isto é, os dentes superiores recobrem os dentes
inferiores e são inseridos ortogonalmente aos maxilares), sendo aceita a mordedura
em torquês (ou pinça, ponta com ponta)
bochechas: planas, convergindo moderadamente até a ponta do focinho, sem redução
gradual
olhos: de tamanho médio, amendoados, oblíquos, nivelados, nem proeminentes
nem profundos de cor marrom, variando do marrom claro em cães com a pelagem
clara ao marrom escuro, quase preto, em cães com a pelagem mais escura expressão
severa e dura pálpebras pretas
orelhas: de inserção um pouco alta, caindo naturalmente paralelas em ambos os
lados da cabeça; pendentes finas e quase triangulares, com as pontas arredondadas;
de tamanho médio (comprimento igual à largura) quando em atenção as orelhas
voltam-se para frente
pescoço: bem inserido ao corpo e cabeça, conferindo à cabeça um porte
orgulhoso; curto; reto; bem desenvolvido e de espessura proporcional; sem barbela
tronco
linha superior: reta ou ligeiramente inclinada
cernelha: bem inserida entre o pescoço e o corpo
dorso: comprimento médio; forte; mais alongado que o lombo
lombo: curto, largo, bem musculoso, conectado de forma harmoniosa à garupa
6
garupa: curta, larga, bem musculosa, com uma suave inclinação pode ser ligeiramente
mais alta que a cernelha
peito: de forma oval, largura e profundidade medianas
linha inferior e ventre: considerável inclinação do esterno à virilha; ventre não
volumoso, mostrando uma distinta diferença na linha entre o esterno e a região
abdominal
cauda: natural, inserida mais alta que a linha média, grossa na raiz; em repouso,
deve alcançar os jarretes, caindo não muito apertada entre as franjadas nádegas;
cauda com pelos grossos e longos, especialmente na parte inferior, conferindo-lhe
um visual mais denso na porção média e com o último terço muito peludo na parte
inferior tem uma graciosa forma de cimitarra e é geralmente portada baixa quando
o cão está excitado, a cauda é portada acima da linha do dorso, inclinando-se para
cima, para frente e ligeiramente para as laterais, mas nunca tão baixo para tocar o
dorso
membros
anteriores: fortes e bem musculosos muito retos, quando vistos de frente e de
perfil; ossatura bem desenvolvida
ombros: articulações bem desenvolvidas angulação escápulo-umeral mediana
braços: bem desenvolvidos, com músculos poderosos
antebraços: retos e afunilando gradualmente de cima até os metacarpos; ossatura
bem desenvolvida, com formato ligeiramente cilíndrico
metacarpos: nem muito longos nem muito inclinados
patas: proporcionais ao tamanho e mais redondas que longas, tendendo para "patas
de gato"; com grossos dedos bem ajustados e naturalmente arqueados, não virando
nem para fora nem para dentro; unhas bem desenvolvidas, pretas ou cinza escuras,
lisas, duras, moderadamente desgastadas almofadas grossas e duras
posteriores: fortes e bem musculosos muito verticais, quando vistos por trás;
ossatura bem desenvolvida
7
coxas: bem desenvolvidas com músculos poderosos, facilmente vistos por trás
joelhos: angulação fêmuro-tibial moderadamente aberta
pernas: ossatura bem desenvolvida, músculos poderosos
jarretes: altos; a linha do jarrete inclina-se ligeiramente para frente; articulações bem
desenvolvidas e angulações tíbio-társicas moderadamente abertas
metatarsos: ossatura bem desenvolvida, com formato ligeiramente cilíndrico podem
ter ergôs simples ou duplos
patas: idênticas às anteriores
movimentação: movimentação rítmica e fácil, com os membros movendo-se
paralelos ao plano mediano do corpo o modo de andar mais comum é um caminhar
natural e, às vezes, um trote com passos livres apenas se move mais rapidamente
(trote ou galope) quando uma forte razão o motiva a fazê-lo
pelagem
pelo: pelo curto no corpo (aproximadamente 5 cm); sem subpelo levemente
embotado, suave, plano na maior parte do corpo e muito grosso; geralmente o pelo
é mais curto e denso na cabeça e nas orelhas, onde é mais macio e fino, bem como
abaixo dos cotovelos e jarretes o pelo é espesso e longo na região das nádegas, as
quais são muito peludas; grosso, resistente e um tanto áspero ao toque
cor: a mais comum é a cor de lobo, sendo que a preferida é a "cor da montanha",
assim designada pelos nativos e sendo considerada uma característica racial pelos
criadores de castro laboreiro é um pelo tigrado e com a cor de base em diferentes
tons de cinza sobrepostos com tonalidades claras e escuras de preto é típico com
pelo de três cores diferentes: variações indo das cores castanho, ao avermelhado e
mogno o tigrado pode apresentar tons mais claros ou escuros em diferentes partes
do corpo: mais escuro na cabeça, dorso e ombros; medianamente escuro no corpo,
garupa e coxas e mais claro no ventre e na parte inferior dos membros uma pequena
mancha branca no peito é permitida
tamanho / peso
altura na cernelha: machos: 58 - 64 cm (com tolerância de + 2 cm)
fêmeas: 55 - 61 cm (com tolerância de + 2 cm)
8
peso: machos: 30 a 40 kg
fêmeas: 25 a 35 kg
faltas: qualquer desvio nos termos deste padrão deve ser considerado como falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade e seus efeitos sobre a saúde e o
bem estar do cão
o temperamento: animais que mostram sinais de timidez ou desconfiança
o cabeça: muito volumosa, ossuda ou carnuda muito estreita, longa ou
pontiaguda
o orelhas: de inserção atípica, muito grandes, carnudas ou arredondadas
o cor: pequena mancha branca que ultrapasse os limites estabelecidos pelo padrão
faltas graves
o olhos: amarelos, pálpebras soltas
o cauda: em formato de trompa (corneta) de caça, enrolada ou com um gancho
na ponta
faltas desqualificantes
o temperamento: agressividade ou timidez excessiva
o crânio/focinho: convergência dos eixos crânio-faciais superiores longitudinais
o trufa: de outra cor que não seja preta
o maxilares: prognatismo superior ou inferior
o olhos: gázeos ou de tamanhos diferentes
o surdez: congênita
o cauda: amputada ou rudimentar anurismo (inexistente)
o cor: albinismo manchada ou muito diferente das cores típicas da raça
o tamanho: acima ou abaixo dos descritos
o todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento
deve ser desqualificado
nota:
o os machos devem apresentar os dois testículos, de aparência normal, bem descidos e acomodados na bolsa escrotal

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletO que significa uma parceria ?

bulletChocolate, um veneno para seu pet

bulletTreinamento básico de obediência

bulletAnimais com diarréia - o que podemos fazer?

bulletCoronavírus em cães


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet Adriana Morales Médica Veterinária CRMV: 6467 Membro do Colégio Brasileiro de Oftamologia Veterinária. Avenida 11 de Agosto, 1693. Valinhos/SP Tel.: 19 38492522

bullet Sérgio Alves, médico veterinário e gerente de vendas para pets da Alltech

bullet Claudia Leschonski Veterinária de Cavalos Blog http://leschonski.blog.terra.com.br/

bullet Darby de Lima
darbykpl@hotmailcom

bullet Dr. Carlos Artur Lopes Leite é médico veterinário graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e especialista em Micologia Médica pela Carl von Ossietzky Universität (Alemanha). É também mestre em Medicina e Cirurgia Veterinárias pela UF

Ver todas as Dicas dos Colunistas




Letras de Música com temas Animais:


bulletSaudade da minha terra

bulletNo dia em que eu saí de casa

bulletCrocodilo

bullet

bulletCamarão que dorme a onda leva

Ver todas as Letras de Músicas




Cinema, Filmes e Seriados:


bulletUm homem chamado cavalo (a man called horse)

bulletO gato do espaço (the cat from outer space)

bulletMeu cachorro skip (my dog skip)

bulletOs pássaros (the birds)

bulletNas montanhas dos gorilas


Ver todos os filmes e seriados




Livros Animais

bulletPasso, trote, galope - uma familia e seus cavalos

bulletCães de guerra

bulletLivro dos passaros magicos, o

bulletPássaros amarelos

bulletSinopse do livro 97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

Ver todos os Livros



Dinheiro / Notas Animais



Garoupa
R$ 100


Beija flor
R$ 1


Garça branca grande
R$ 5


Arara vermelha
R$ 10


Mico leão-dourado
R$ 20


Onça pintada
R$ 50


Tartaruga-de-pente
R$ 2


Lobo Guará
R$ 200


Ver todas as Notas e Moedas



Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos