Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Home Page > Notícias > Mais de 300 tartarugas morrem em redes de pesca ilegal no méxico

Compartilhe em suas redes sociais:

Mais de 300 tartarugas morrem em redes de pesca ilegal no méxico


Pescadores chegaram a tentar libertar os animais, mas não tiveram sucesso; órgão disse em comunicado que rede que prendeu tartarugas é proibida na região.


As imagens compartilhadas pela Defesa Civil de Oaxaca, no México, são devastadoras: incontáveis tartarugas mortas flutuando no mar.


Depois


Depois de se enroscarem em rede de pesca ilegal, centenas de tartarugas com risco de extinção morrem no México


Foto: DEFESA CIVIL DE OAXACA / BBC News Brasil


E, nesta quarta-feira, o governo do Estado de Oaxaca confirmou que pelo menos 303 tartarugas-oliva, que correm risco de extinção, morreram após ficarem presas em duas redes de pesca ilegal na costa mexicana do Pacífico.


"A Procuradoria de Proteção Ambiental de Oaxaca confirmou que a morte das tartarugas foi causada por uma rede de pesca proibida, usada para pegar o peixe garapau", disse em um comunicado.


As tartarugas-oliva - menor espécie de tartarugas marinhas - foram encontradas perto da costa da cidade de Puerto Escondido, cerca de 760 km a sudoeste da Cidade do México.


"Inicialmente, recebemos um relatório de que havia duas redes onde estavam 300 tartarugas, mas esse número pode mudar", disse à agência de notícias EFE, o diretor do gabinete de Defesa Civil na cidade de San Pedro Mixtepec, José Antonio Ramirez.


"Encontramos esta rede conhecida como tresmalho e nos disseram que os pescadores não são deste lugar. Elas não são usadas nestas praias e talvez possam ter sido abandonadas por um navio que não percebeu sua perda e matou as tartarugas", acrescentou.


A sobrevivente efêmera


Após o primeiro relato de que cerca de 300 tartarugas haviam se enroscado nas redes, os pescadores locais tentaram libertar os animais, mas sem sucesso.


Pescadores


Pescadores tentaram tirar as tartarugas enroscadas na rede, mas todas morreram


Foto: Getty Images / BBC News Brasil


Quando membros da equipe de Defesa Civil chegaram ao local, descobriram que todas as tartarugas haviam morrido.


Uma única sobrevivente, que havia sido resgatada pelos pescadores, morreu ao chegar à praia.


Ali mesmo, os pescadores cavaram um buraco e enterraram os animais.


Tanto as autoridades pesqueiras da área quanto o Estado disseram que não se tratou de um ato intencional, mas que as tartarugas se encontraram com a rede e não conseguiram escapar.



Fonte da Notícia: v



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletO hipopótamo

bulletTartaruga trem da alegria

bulletVida de cachorro teodoro e sampaio

bulletCachorro Perigoso

bulletPassaros



Dicas Veterinárias:

bulletA criação de cavalos paixão e zelo

bulletComo escolher acessórios adequados para passear com seu cão

bulletGata faz xixi e cocô fora de lugar

bulletHérnia perineal em cães

bulletGengivas aumentadas em cães



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Claudia Leschonski Veterinária de Cavalos Blog http://leschonski.blog.terra.com.br/>

bullet Bruno Tausz(Etólogo)>

bullet Keila Regina de Godoy>

bullet Darby de Lima
darbykpl@hotmailcom>

bullet Juliana Bortoletto Clinica Vet health, rua: jose gomes moreno, 50 terra nova 2 São Bernardo do Campo/SP , crmvsp 18.377 fone: (11) 41014260>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletGatos numa roubada (tomcats)

bulletO zelador animal

bulletHarry, o amigo de tonto

bulletJurassic park ii

bulletConfusão pra cachorro (dog gone)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletPássaros amarelos

bulletO gato que falava com fantasmas

bulletO gato que tocava brahms

bulletNo meu peito não cabem pássaros

bulletAmazonas aguas, passaros, seres e milagres

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos