Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Home Page > Notícias > Como cuidar bem do seu buldogue francês

Compartilhe em suas redes sociais:

Como cuidar bem do seu buldogue francês


Devido a algumas características genéticas e físicas, essa raça de cachorro tem maior propensão a certos problemas de saúde. Saiba como protegê-lo


Por Maria Tereza Santos


access_time11 out 2018, 10h35


chat_bubble_outlinemore_horiz


como


Os buldogues são mais suscetíveis a algumas doenças devido a determinadas características do seu corpo (Foto: Serts/iStock)


Os buldogues franceses são cachorros fofos e se dão bem em espaços pequenos – não à toa, essa raça se tornou superpopular. Porém, peculiaridades não tão desejáveis também fazem parte do pacote, como mostram pesquisadores do Royal Veterinary College, na Inglaterra.


Eles analisaram dados de 2 228 buldogues franceses e concluíram que esses animais têm maior tendência a infecções nos ouvidos, diarreia e conjuntivite. “Determinadas doenças realmente aparecem mais em algumas raças”, avalia Sibele Konno, veterinária e gerente técnica do Hospital Pet Care, em São Paulo.


A veterinária clínica de pequenos animais do Hospital Veterinário, Pet Shop & Hotel Sena Madureira, Tamara Wiese, também de São Paulo, explica que os buldogues são braquicefálicos, o que significa que têm como características o nariz curto e olhos mais saltados. “Isso os predispõe a ter problemas respiratórios e oculares”, completa.


Mas não precisa desistir de ter uma fofurinha dessas, tá? Só vale ter a consciência de que o bicho poderá precisar ir ao veterinário com maior regularidade.


 


Veja também



Raio X da raça


Olhos largos e saltados: Favorecem infecções, ressecamento da córnea e até deslocamento provocado por traumas.


Intestino sensível: Por causa disso, diarreia, vômito e intolerância alimentar são bastante comuns na raça.


Nariz curto: Dificulta a entrada e o resfriamento do ar. A correção cirúrgica é indicada em alguns casos.


Dobrinhas: Acumulam secreção e umidade, contribuindo para a proliferação de fungos e bactérias. Dar banho e secar bem protege o pet.


Pernas curtas e porte pequeno: Fazem dele um candidato a problemas de coluna. Para evitar, não deixe o buldogue ganhar peso extra.


Fontes: Sibele Konno, veterinária e Gerente Técnica do Pet Care, em São Paulo; e Tamara Wiesen, veterinária clínica de pequenos animais, do Hospital Veterinário, Pet Shop & Hotel Sena Madureira, em São Paulo



Fonte da Notícia: https://saude.abril.com.br/vida-animal/como-cuidar-bem-do-seu-buldogue/



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletTelegrama

bulletPássaro Proibido

bulletTripa de peixe

bulletCrocodilo

bulletCanção da meia-noite nenhum de nós



Dicas Veterinárias:

bulletPrimeira noite do filhote chegando em casa

bulletComo brincar com seu gato

bulletFuga ao adoecer

bulletA parvovirose canina em cães

bulletCachorros podem sofrer com osteoporose



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Alexandre Domingues>

bullet Keila Regina de Godoy>

bullet Aquarium Lab http://aquariumlab.com.br>

bullet Matheus Rodrigues Bonfim matheus@petlive.com.br>

bullet Virgínia Figuerôa (11) 55061144 / virginia@ecco.inf.br>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletGatos, fios dentais e amassos (angus, thongs and perfect snogging)

bulletO gato do espaço (the cat from outer space)

bulletO corcel negro

bulletMamãe virei um peixe (hjælp, jeg er en fisk)

bulletFamoso pra cachorro (in the doghouse)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletCrianca, cachorro que fala!

bulletAtlas colorido de anatomia veterinária do cão e gato

bullet4 vidas de um cachorro

bulletO gato e a revolução

bulletEnfermidades dos cavalos

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos