Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Home Page > Notícias > Promotores linha dura dizem que fim da prisão em 2ª instância consagrará caos

Compartilhe em suas redes sociais:

Promotores linha dura dizem que fim da prisão em 2ª instância consagrará caos


Pepita Ortega e Paulo Roberto Netto

A poucos dias da retomada do julgamento da prisão em 2ª instância, marcada para esta quinta-feira, 7, no Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), os promotores "linha dura" voltam à carga e afirmam que o fim da medida, em vigor desde 2016, vai "consagrar o caos e a impunidade". "A possível mudança de entendimento do STF sobre a prisão após condenação em 2.ª instância implicará a soltura de milhares de condenados, seja por corrupção, seja por delitos violentos, tais como estupro, roubo, homicídio."

SAIBA MAIS

Na avaliação do MP Pró-Sociedade, entidade que abriga promotores e procuradores conservadores, o fim de prisão em 2ª instância "se baseia na interpretação equivocada de que o princípio da não culpabilidade seria uma pretensa presunção absoluta de inocência".

"Consagrará o caos e a impunidade, com prejuízos gravíssimos à segurança pública", sustenta MP Pró-Sociedade em documento divulgado após assembleia da entidade, em Florianópolis, de 31 de outubro a 2 de novembro.

O placar no STF está 4 a 3 para manutenção da jurisprudência que a própria Corte consolidou em 2016 - condenados em segundo grau judicial já podem ir para a prisão. A prisão em 2ª instância é artífice da Operação Lava Jato. Condenados por corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa foram presos com base nesse entendimento. Ainda restam quatro votos no julgamento do Supremo, inclusive o do presidente do STF, Dias Toffoli.

São 15 enunciados no documento dos promotores linha dura. O enunciado 3 aborda a Lei do Abuso de Autoridade, que intimida promotores, juízes e delegados de polícia.

"A 'Lei do Bandido Feliz', denominada eufemisticamente de Lei do Abuso de Autoridade, destrói a possibilidade de proteção efetiva da sociedade e atinge somente os policiais, promotores/procuradores e juízes que lutam contra a impunidade."

Segundo a entidade, o artigo 478 do atual Código de Processo Penal "é inconstitucional por cercear o direito de defesa da sociedade e das vítimas, enquanto garante liberdade total à defesa do criminoso".

O grupo aborda, ainda, no enunciado 5, outro ponto que os desconforta. "A aprovação do novo projeto de Código de Processo Penal, nos moldes em que está o relatório, violará a defesa das vítimas e da sociedade no Tribunal do Júri e aumentará a impunidade, criando uma verdadeira "Lei do Assassino Solto"."

"Os direitos do criminoso não se podem sobrepor à segurança pública, assim entendida como direito difuso fundamental de toda a sociedade", afirma o documento.

Os promotores abordam, ainda, outras questões, como cotas no funcionalismo, e sugerem. "O Ministério Público deve combater a criação de cotas em razão do sexo no serviço público, por violação ao princípio constitucional da igualdade."

Falam, também, de meio ambiente e de liberdade de expressão. "A verdadeira proteção do meio ambiente não é ideológica e não deve ser usada para limitar as liberdades individuais do ser humano, nem para a abolição gradativa das Soberanias nacionais (Enunciado 13)."

"Liberdade de Expressão é cláusula pétrea da Constituição. O texto original da Constituição não impõe restrições aos membros do Ministério Público e da Magistratura, razão pela qual não podem ser impostas por nenhuma norma (Enunciado 14)."

Por fim, o Enunciado 15. "O artigo 5.º, XVI, da Constituição Federal, garante o direito de reunião e de manifestação pública. Não há diferença entre manifestantes nas ruas com placas e palavras de ordem e manifestantes nas redes sociais com posts e memes. A censura nas redes destina-se apenas a suprimir a liberdade de expressão e manter a espiral do silêncio."



Fonte da Notícia: https://www.terra.com.br/noticias/brasil/politica/promotores-linha-dura-dizem-que-fim-da-prisao-em-2-instancia-consagrara-caos,9a46716074a96dbf8374c954c8d21450iaaxyixz.html



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletPeão Apaixonado

bulletLuz do meu samba

bulletGato pensa? Adriana Calcanhotto

bulletO portão

bulletPassarinhos - emicida



Dicas Veterinárias:

bulletComo construir um aquário com plantas naturais

bulletAlimentação dos equinos

bulletMinha sela é adequada para meu cavalo?

bulletCachorro vomitando sangue: o que fazer?

bulletCães enxergam o mundo em azul e amarelo



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Manuelle Audino Rodrigues de Sá Médica veterinária CRMV 25073 fisiopet@yahoo.com.br>

bullet Por Alexandre Domingues>

bullet marcello alonso criador de cães pelo canil lord manske, cinófilo, juíz de raças, educador e comportamentalista canino >

bullet carlos alexandre pessoa
médico veterinário (11) 99112330 www.animalexotico.com.br>

bullet SKS Promoções Silvia Milani sksprom@uol.com.br>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletGatos, fios dentais e amassos (angus, thongs and perfect snogging)

bulletUm peixe chamado wanda (a fish called wanda)

bulletHarry, o amigo de tonto

bulletRio

bulletUm gato em paris (une vie de chat)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletSinopse do livro 97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

bulletCama de gato

bulletEnfermidades dos cavalos

bullet4 vidas de um cachorro

bulletCães de guerra

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos