Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Home Page > Notícias > Tapuio Agropecu?ria investe em cortes de b?falo premium para abrir mercado em capitais do Nordeste e Centro-Oeste

Compartilhe em suas redes sociais:

Tapuio Agropecu?ria investe em cortes de b?falo premium para abrir mercado em capitais do Nordeste e Centro-Oeste


src=O mercado de carne de búfalo ainda é pouco explorado no Brasil, por isso a Tapuio Agropecuária, localizada em Taipu, no Rio Grande do Norte, aposta na comercialização de cortes premium deste tipo de carne para ampliar seu faturamento total em 2019.

A empresa, que já fatura em média R$ 24,2 milhões por ano com a venda de ovos, mozzarellas e queijos de búfala para o Nordeste e Centro-Oeste do país, e que é pioneira na exportação de mozzarellas de búfala de origem nacional para os EUA, iniciou a comercialização dos cortes especiais da marca DiBufalo de forma discreta no final de 2018, aproveitando os canais de vendas já consolidados pelas mozzarellas e queijos em estados como Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Pernambuco e Brasília.

Ao iniciar as operações com a venda de carnes no final do ano passado, a empresa investiu em parcerias com produtores para a criação de animais que atendessem a um rigoroso protocolo de acabamento de carcaça e bem estar animal, bem como na contratação de serviços terceirizados para abate, processamento e embalagem dos cortes sob Inspeção Federal. Ainda para o primeiro semestre desse ano está prevista a inauguração de uma processadora para produção de embutidos e hambúrgueres em Recife, também na modalidade de parceria, que serão comercializados com a marca DiBufalo. Foram investimentos da ordem de R$ 3 milhões na formação de pastagens, transportes e estrutura para dar suporte ao novo segmento. Para 2019 o plano é continuar investindo na captação de novos clientes nas cidades onde já atuam e na produção, e trabalhar na divulgação das vantagens nutricionais do consumo da carne de búfalo.

Desde que iniciou as vendas de carnes, Francisco Veloso, diretor executivo da Tapuio Agropecuária, afirma que a procura pelos produtos aumentou 20% até agora. “O mercado é muito promissor, praticamente inexplorado. O consumidor, os chefs e o varejo estão começando a aprender sobre a qualidade da carne de búfalos agora, e nisso estamos tendo um papel-chave, pois além de todo o trabalho de vendas, também focamos em levar informações sobre o sabor e os valores nutritivos da carne bubalina quando comparada à carne bovina, ao consumidor”, afirma o empresário.

Carne mais saudável que carne bovina em cortes especiais

Entre os cortes especiais que levam a marca DiBufalo, varejistas, consumidores finais, restaurantes e churrascarias já podem encontrar os cortes gourmets, como ancho, sholderprime e short rib,chorizo, t-bone, tomahawk, além dos tradicionais: picanha, fraldinha e maminha. As carnes oriundas da marca são de animais jovens, criados com cuidado e bem-estar, o que resulta num terroir próprio e elevada maciez. Além disso, a carne de bubalinos é naturalmente superior à carne bovina nos aspectos nutricionais, pois apresenta menor teor de gorduras saturadas, 55% menos calorias, 40% menos colesterol e maior teor de proteínas (11%) e minerais (11%). Em relação a características gastronômicas, a carne de búfalo tem coloração mais avermelhada, gordura branca, baixa presença de gordura intramuscular e textura extremamente macia. O paladar é refinado e se destaca principalmente em churrascos e em pratos de alta gastronomia.

Rastreabilidade e segurança

A carne premium DiBufalo com total rastreabilidade, procede de rebanhos com elevado controle sanitário e rigorosos procedimentos de manejo, em que os animais são criados livres em pastagens sombreadas, com capins de alta qualidade, sem o uso de antibióticos e hormônios, o que propicia elevado bem-estar animal.

Ressalte-se que o rebanho bubalino da Tapuio é o único no Nordeste e um dos poucos no país a serem certificados pelo Ministério da Agricultura como livres para as doenças de Brucelose e Tuberculose.

Posicionamento no Brasil e olho no mercado externo

A Tapuio atua no agronegócio desde 1991, contando com uma área de quase 500 hectares, onde tem 1.400 cabeças de búfalos, da raça Murrah, que é de origem indiana e reconhecida pela fácil adaptação ao clima árido. Desses animais, mais de 450 são búfalas em lactação, que produzem 3.000 litros de leite por dia, que resultam em cerca de 20 toneladas de queijos por mês.  Na fazenda Tapuio, são gerados 146 empregos diretos.

Com faturamento de R$ 24,2 milhões em 2018, os produtos da Tapuio Agropecuária como queijos de búfala e ovos são distribuídos para todos os estados do Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Distrito Federal. A empresa também atua no mercado externo, com exportações para os Estados Unidos. As possibilidades de ampliação da exportação são significativas: a empresa está negociando exportações para Argentina e Peru. “Percebemos que o bem-estar animal, com a criação de búfalos em pasto - e não em confinamentos, como é comum em outros países - é mais um diferencial valorizado no mercado externo”, enfatiza Veloso.

Para dar suporte ao seu plano de expansão de vendas dos derivados de leite de búfala no Brasil e no exterior, a Tapuio Agropecuária realizou em 2016 e 2017 um aporte de R$ 8 milhões, para captação e reuso das águas pluviais, instalação de biodigestor e aerogerador. Do total, R$ 4 milhões foram destinados para a construção de uma nova ordenha de búfalas totalmente automatizada, que funciona como um carrossel. Trata-se do primeiro rebanho de búfalas do país a contar com essa tecnologia, que foi importada da Irlanda do Norte e o primeiro do gênero na América Latina que possibilitará dobrar a produção até 2021, saltando das atuais 20 toneladas de queijo por mês para aproximadamente 40 toneladas.

Em operação, a nova ordenha automatizada tem capacidade para ordenhar até 160 animais por hora. O investimento visa dar suporte ao plano de expansão, tanto no mercado interno quanto no mercado externo, já que a Tapuio é o único laticínio no Brasil autorizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) a exportar derivados de leite de búfalas.

Copie o texto da notícia direto neste espaço.



Fonte da Notícia: Favo Comunica



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletVerdade

bulletGatinho angorá

bulletA Barata

bulletRiacho do navio

bulletOs 50 anos de os pássaros", de alfred hitchcock



Dicas Veterinárias:

bulletMesothelioma em cães

bulletHipotireoidismo

bulletComo melhorar o controle de fluxo de caixa do seu pet shop?

bulletComo o profissional de adestramento pode ajudar o seu negócio

bulletBrincadeiras agressivas



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Jacqueline R. F. Cremoneze>

bullet Vanessa Castro Pesquisador Científico Laboratório de Doenças Bacterianas da Reprodução castro@biologico.sp.gov.br>

bullet Tatiana Grillo
Eu atendo em domicílio em Sorocaba-SP
(15) 3019-2101
http://blogdicasanimais.blogspot.com.br/2016/08/que tamanho vai ficar meu filhote.html>

bullet Helena Monkevic Casarin clinica veterinária Julius 19 996242435 Av. José Pancetti 887 Jd. Aurelia , Campinas/SP>

bullet Sérgio Villa Santi>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletBatman e robin (1949)

bulletCondorman - o homem pássaro (condorman)

bulletUm natal bom pra cachorro (chilly christmas)

bulletNetto e o domador de cavalos

bulletUma cilada para roger rabbit



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletUrologia e nefrologia do cão e do gato

bulletA arca de noé

bulletVida de cão

bulletO homem que amava os cachorros

bulletA princesa e o sapo

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos