Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Home Page > Notícias > Dia da Terra: 4 animais que sumiram da Am?rica Latina nos ?ltimos 15 anos

Compartilhe em suas redes sociais:

Dia da Terra: 4 animais que sumiram da Am?rica Latina nos ?ltimos 15 anos


 

Getty

Ararinha-azulImagem: Getty Images

 

src=

22/04/2019 18h05

Há muitas ações humanas que contribuem com a extinção dos animais.

Em 1992, a ONU declarou 22 de abril como o Dia Internacional da Mãe Terra e dedicou o ano à preservação de espécies afetadas pelo impacto ambiental causado por humanos na Terra.

VEJA TAMBÉM

Várias organizações internacionais disseram que reforçarão suas ações para proteger os animais em risco de extinção.

No entanto, para alguns animais, é tarde demais.

Estas são quatro espécies que viviam na América Latina e sumiram por causa do ser humano.

A ararinha-azul

 

Getty

Ararinha-azulImagem: Getty Images

Essa ave azul, que ganhou fama com a animação Rio, foi extinta de seu ambiente natural em 2000, 11 anos antes da estreia do filme. A espécie, que só existe no Brasil, foi afetada pelo desmatamento e pela caça para ser vendida como ave exótica por sua beleza peculiar, segundo um estudo de setembro de 2018 da organização Bird Life.

 

A pesquisa diz que, embora esteja extinta na natureza, entre 60 e 80 ararinhas-azuis sobrevivem em cativeiro.

Em 2016, uma ararinha-azul solta foi vista na zona rural de Curaçá, no extremo norte da Bahia. A origem da ave é um mistério.

A tartaruga gigante de Galápagos

 

Getty

Tartaruga gigante de GalápagosImagem: Getty Images

O último exemplar dessa espécie vivia nas ilhas Galápagos, no Equador. Era conhecida como George Solitário e morreu em 24 de junho de 2012 de velhice, com mais de cem anos.

 

A população da espécie diminuiu até chegar à extinção por causa da caça desmedida para a venda de sua carne e de seus cascos.

Na época dos piratas do século 18, descobriu-se que tartarugas podiam sobreviver em navios por muitos meses, sem comida nem água.

Os navegadores que frequentavam Galápagos no século 19 começaram a extrair grandes quantidades de tartarugas vivas e armazená-las nos barcos como fonte de carne fresca em suas longas viagens, segundo Linda J. Cayot, da organização Galapagos Conservancy.

O sapo dourado

 

Getty

Sapo douradoImagem: Getty Images

Esse tipo de anfíbio foi vítima das mudanças climáticas. Para sua reprodução era necessário certo nível de umidade, mas a alteração do clima em seu habitat fez com que a espécie se extinguisse.

 

O sapo vivia nos pântanos da floresta nublada em Monteverde, na Costa Rica. Os pântanos secaram por causa da mudança drástica na temperatura na região, o que impediu a formação da neblina que protegia a espécie, segundo o Centro Científico Tropical da Costa Rica.

O anfíbio foi visto pela última vez em 1989. Em 2008, foi realizada uma expedição em busca de sobreviventes da espécie, mas nenhum foi encontrado.

Foca-monge-do-caribe

 

NOAA

Foca-monge-do-caribeImagem: NOAA

Esse mamífero marinho que nadava pelas correntes do Golfo do México foi declarado extinto em 2008.

 

A Administração Nacional Atmosférica Oceânica (NOAA, na sigla em inglês) afirmou que seu desaparecimento se deveu a causas humanas.

Essa espécie de foca era caçada pela indústria pesqueira, que vendia sua pele e gordura.



Fonte da Notícia: https://noticias.uol.com.br/meio-ambiente/ultimas-noticias/bbc/2019/04/22/dia-da-terra-4-animais-que-sumiram-da-america-latina-nos-ultimos-15-anos.htm



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletNo voo da águia, uma viagem sem fim

bulletTombei

bulletAsas

bulletSaudade da minha terra

bulletMajestade, o sabiá



Dicas Veterinárias:

bulletO mecanismo de atuação dos florais de bach

bulletAlta salivação em gatos

bulletCães enxergam o mundo em azul e amarelo

bulletCatarata em cães

bulletSiamesa arranca pelos



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Carlos Artur Lopes Leite é médicoveterinário graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e especialista em Micologia Médica pela Carl von Ossietzky Universität (Alemanha). É também mestre em Medicina e Cirurgia Veterinárias pela UF>

bullet Priscila Thomazelli Atleta, Amazonas, Instrutora e Treinadora de Equitação Engenharia Civil, de Segurrança do Trabalho, Meio Ambiente e Qualidade (11) 9 9944-2168 www.dressagearteequestre.com>

bullet Jacqueline R. F. Cremoneze>

bullet Manuelle Audino Rodrigues de Sá Médica veterinária CRMV 25073 fisiopet@yahoo.com.br>

bullet Chani Blue http://www.epochtimes.com.br/equoterapiaeficazcombateproblemaspsicologicos/>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletBud, o cão amigo - air bud

bulletO gato mais rico do mundo (the richest cat in the world)

bulletAquele gato danado (that darn cat!)

bulletA morte anda a cavalo (da uomo a uomo / death rides a horse)

bulletBabe, o porquinho atrapalhado



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletPassaros sao eternos, os

bulletLivro definitivo de dicas e sugestoes de jardinagem

bulletGato viriato

bulletFalando de passaros e gatos

bulletGato que gostava de cenoura

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos