Home Page > Notícias > As curiosas razões pelas quais certos passarinhos gostam de ser observados enquanto fazem sexo

As curiosas razões pelas quais certos passarinhos gostam de ser observados enquanto fazem sexo


Edison Veiga - De Milão para a BBC News Brasil


Nao Ota


  • Pesquisadores


    Pesquisadores analisaram o comportamento do cordon-bleu-de-cabeça-azul


Sem essa de timidez. Se tem plateia, os passarinhos fazem do tipo assanhado, não economizam chamegos e capricham na performance na hora do canto, da dança, de todo o ritual do acasalamento. E se o público é formado só por fêmeas, por exemplo, o macho costuma se exaltar mais ainda - ou o contrário: para uma audiência masculina, a fêmea é a mais exibida.


Foi o que constatou uma pesquisa realizada por cientistas da Universidade de Hokkaido, do Japão, e do Instituto Max Planck de Ornitologia, da Alemanha - o estudo está na edição desta quarta-feira (4) do periódico Science Advances.


Eles analisaram o comportamento da ave Uraeginthus cyanocephalus, o cordon-bleu-de-cabeça-azul, um passeriforme da família estrildidae, de comportamento cantor, nativo de países africanos como Etiópia, Quênia, Sudão do Sul, Somália e Tanzânia.


Este pássaro foi escolhido pelo estudo porque tem um ritual bastante peculiar de acasalamento, com direito a uma dancinha que se parece com um sapateado.


"Desconhecemos outra espécie capaz de fazer movimentos tão rápidos com os pés. No entanto, os machos de todas as espécies de estrildídeos, ou seja, da família estrildidae, que conta com cerca de 135 espécies, fazem algum tipo de dança, de pulos ou balanços, no momento em que cantam para o ritual de acasalamento", explicou à BBC News Brasil a pesquisadora Masayo Soma, do Departamento de Biologia da Universidade de Hokkaido.


O experimento


Para analisar o comportamento dos bichos, os pesquisadores colocaram os casais em ambientes com e sem audiência.


"Observamos que tanto os machos quanto as fêmeas exibem um sapateado super-rápido durante o cortejo, sobretudo quando querem anunciar seu rito a espectadores", pontua Soma.


"Existem dois tipos de pessoas: aqueles que escondem sua vida íntima, seu namoro, e têm um comportamento propício a traições; e aqueles que assumem publicamente seu romance, seu casamento. Os cordon-bleus são os últimos", compara a pesquisadora. O cordon-bleu tem comportamento monogâmico.


"Isto é bastante surpreendente, porque, na natureza, as exibições de danças acrobáticas em geral são para chamar a atenção de outros parceiros em potencial. No caso desta ave, é para mostrar lealdade ao seu parceiro em particular", completa.


Soma acredita que o estudo acrescenta novos conhecimentos sobre a complexidade comunicativa das aves, um campo com muito ainda para ser pesquisado.


 


Nao Ota



Cordon-bleu-de-cabeça-azul faz ritual peculiar de acasalamento, com direito a dancinha semelhante ao sapateado


 


Os pesquisadores concluíram que, no caso desta espécie, o ritual funciona como uma forma de anunciar a toda a "comunidade" que aquele casal está formado, está unido. Praticamente uma festa de noivado.


E os cientistas acreditam que esta manifestação reforça o vínculo entre o macho e a fêmea, fazendo com que eles permaneçam juntos por toda a vida.


Ou seja, seguindo essa analogia, ao renovarem o ritual para a plateia, é como se eles fossem daqueles casais que fazem festas "de bodas" para comemorar os 10 anos de união, os 15 anos de união, e assim por diante.


Fama e orgulho


Soma conta que a equipe acabou concluindo serem duas as razões para esse oba-oba realizado pelos cordon-bleus quando o namoro ocorre em público.


Além da questão de mostrar a lealdade ao parceiro - sendo "bom para construir um relacionamento de confiança e protegendo o parceiro contra assédio de rivais", conforme ressalta a pesquisadora - também há um aspecto social que estaria na imagem criada por cada indivíduo.


"Nessas exibições de cortejo, em frente aos outros, o pássaro anuncia que está saudável, de boa qualidade - e que é bem-sucedido, um sujeito popular", explica.



Fonte da Notícia: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2018/10/04/as-curiosas-razoes-pelas-quais-certos-passarinhos-gostam-de-ser-observados-enquanto-fazem-sexo.htm



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletCobras e lagartos chico buarque

bulletO ovo e a galinha

bulletInútil

bulletCouro de boi

bulletCachorro Perigoso



Dicas Veterinárias:

bulletMordidas e arranh?es de animais

bullet10 dicas para fotografar seu pet

bulletTranstorno da marcha em cães

bulletAnimais silvestres

bulletHistórias de Aquaristas



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet André Galv?o Cintra, MV, Prof. Esp. CRMV SP 6765 VicePresidente ABCC Bret?o. email: andre@vongold.com.br. Site: www.vongold.com.br >

bullet Silvana Souza
médica veterinária
crmv-sp 9617
animalcamp
rua d pedro i n? 663; guanabara - campinas/sp
fone: (19) 32425370 ou 97965242
www.animalcampcjbnet
homeovete@yahoo.com.br>

bullet dr clélio costa carreira
médico veterinário
crmv 1910
hovet campinas - hospital veterinário campinas av orosimbo maia 2565 - campinas fone (19) 3294 3377>

bullet Mauricio Sordille www.petcaramelo.com>

bullet UniversoEquino.com.br
Médica Veterinaria Mariana Marcantonio Coneglian>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletCães de guerra

bulletMulher-gato (catwoman)

bulletA quinta execução

bulletCacados

bulletA vingança do homem chamado cavalo (the return of a man called horse)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletA perigosa vida dos passarinhos pequenos

bulletEnfermidades dos cavalos

bulletGato que gostava de cenoura

bulletUm gato indiscreto e outros contos

bulletLivro dos passaros magicos, o

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos