Home Page > Dicas Veterinrias > Desordem nervosa que afecta múltiplos nervos em cães

Desordem nervosa que afecta múltiplos nervos em cães



A neuropatia periférica (Polineuropatia) em cães

Polineuropatia é uma desordem nervosa que afeta múltiplos nervos periféricos. Ao contrário do sistema nervoso central, que tem as vértebras da coluna vertebral, eo osso do crânio para proteg?-lo, os nervos periféricos são mais expostas aos elementos que entram no corpo entrar em contato com o corpo, por isso são mais suscetíveis a danos físicos e danos tóxicos. Eles est?o espalhados por todo o corpo, e são responsáveis pela consci?ncia, movimento coordenado (somático), para respostas físicas automáticas (autonômicos), e para o movimento do sistema digestivo (entérica).

Mielina, o branco, Gorduroso, material lipídico que atua como uma camada isolante (também chamado de bainha) para algumas fibras nervosas, pode ser perdida por um processo chamado desmielinização, uma condição que faz com que a mielina a deteriorar-se, resultando em sinais elétricos dos nervos sendo perdidos, e função prejudicando. Ou, pode haver degeneração axonal com desmielinização secundária. Degeneração axonal ocorre quando as fibras nervosas reais deteriorar-se dentro da bainha de mielina.

Sintomas e tipos de

Motor e perturbações nervosas sensório-motor (movimento automático):
Fraqueza ou paralisia em todas as quatro pernas
Reflexos fracos, ou falta de reflexos (automático respostas físicas)
Fraco para não tônus muscular
Deterioração muscular (atrofia)
Tremores musculares, tr?mulo
Perturbações nervosas sensoriais (dor / prazer receptores nervosos):
Desorientação espacial (incapacidade de julgar o espaço em torno de si mesmo)
Fraqueza á perda de consci?ncia
Nenhuma deterioração muscular
Sem tremores musculares
Sob-ativo glândula tireóide
Paralisia das cordas vocais
Paralisia da garganta / esôfago, afeta a capacidade de comer e beber
Paralisia facial
Tontura, instabilidade
Disfunção do sistema nervoso autônomo (que não est?o sob controle consciente) :
Nariz seco
Boca seca
Olhos secos baixa produção de lágrimas
Taxa de batimento lento do coração
Falta de um reflexo anal

Causas

Cong?nitas / hereditárias
Disautonomia: funcionamento anormal do sistema nervoso autônomo, que faz com que a saída excessiva de líquido do corpo, falta de reflexos, e falta de coordenação
Imune da doença
Doença metabólica
Hipotireoidismo (sob-ativo glândula tireóide)
Um tumor no pâncreas, a glândula que produz a insulina
Infeccioso
Neospora caninum parasite em ; afeta as patas traseiras, possivelmente com paralisia, deteriora músculos (atrofia), prejudica o sistema imunológico; parasita é transmitido através da carne de animais infectados (Eu, cão come animal que tem o parasita em seu corpo), através do contato com fezes de animais que tem o parasita nele, normalmente um outro cão de fezes, ou solo residual que ainda tem fezes infectadas na mesma; também pode ser transmitida de um animal grávido ao seu feto em desenvolvimento através da placenta
Paralisia Coonhound (polyradiculoneuritis) em ; afeta principalmente cães de caça que ntraram em contato com guaxinins que carregam a infecção; afeta as quatro pernas, e os músculos que controlam a respiração e latidos
Medicamentos para o cancro
Toxinas
Tálio em ; usado em veneno de roedores
Organofosforados em ; utilizado em fertilizantes e pesticidas
Tetracloreto de carbono em ; usado em inseticidas
Lindano em ; usado para matar ervas daninhas, insetos, e piolhos

Diagnóstico

Seu veterinário irá realizar um exame físico completo sobre o seu cão, tendo em conta o historial de sintomas e possíveis incidentes que possam ter precipitado essa condição. Um perfil químico no sangue, um hemograma completo, um painel de eletrólitos, e um exame de urina ser?o utilizadas para confirmar, ou para descartar qualquer doença subjacente. Seu veterinário também pode optar por realizar testes de sangue adicional, e uma punção lombar, a olhar para doenças específicas.

Tórax e abdominal raios-x pode ser crucial para o diagnóstico de polineuropatias periféricas visível. Raios-X e ultra-sonografia pode ajudar a descartar (or confirm) câncer, mas o mais importante ferramenta de diagnóstico para a identificação de neuropatias periféricas é eletrofisiologia - medir o fluxo elétrico de tecidos do corpo e células. Uma análise de amostra de tecido (biopsia) dos músculos ou nervos periféricos pode fornecer informações adicionais sobre o processo de doença do seu cão está experimentando.

Tratamento

Animais geralmente pode ser tratada em nível ambulatorial. Contudo, cães com polyradiculoneuropathies aguda terá inflamação na raiz dos nervos da medula espinhal, est?o em risco de insufici?ncia respiratória. Eles devem ser hospitalizados para observação na fase inicial da doença para evitar que isso. Cães com disautonomia deve ser hospitalizado para receber fluidoterapia e / ou administrados (parenteral) alimentação.

Cães com hiperquilomicronemia, reciprocamente, podem se recupera espontaneamente após dois a tr?s meses de ser alimentados com uma dieta baixa em gorduras. Cães que foram diagnosticados com diabetes mellitus deve ter sua glicose no sangue dieta cuidadosamente monitorizados.

Um excelente tratamento para pacientes com polineuropatias periféricas é fisioterapia, para a restauração encorajando da musculatura afetada e nervo de memória.



internet

O contedo presente no texto acima responsabilidade dos Autores citados

Gostou do contedo animal acima! Ento compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Msica com temas Animais:

bulletTelevisão de cachorro pato fu

bulletCachorro amigo lourenço e lourival

bulletOlho de peixe

bulletÉ boi aviões do forró

bulletImitando Os Animais



Dicas Veterinrias:

bulletSaiba quando cuidados com pet viram exageros

bulletComo escolher acessórios adequados para passear com seu cão

bulletCães obesos quando a gordura não é formosura

bulletDicas para o pet não enjoar do alimento

bulletTabela de vacinação de cavalos/éguas/equinos



Ver todas as Dicas Veterinrias



Colunistas - Veterinrios que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Marco Antonio Gioso FMVZ USP>

bullet Fabiano Gregolin. Administrador de Negócios Mestrando em Comunicação (15) 97776812 fabianogregolin@uol.com.br >

bullet Daniel Zacharias Zago Médico Veterinário Clínica Geral e Reprodução Equina 11 82627922>

bullet Vanessa Castro Pesquisador Científico Laboratório de Doenças Bacterianas da Reprodução castro@biologico.sp.gov.br>

bullet Israel M. BleichDiretor Técnico do Laboratório CEPAV Tecnologia em Saúde AnimalR. Tanabí, 185 S?o Paulo SP BRASILCEP05002010 Fone/Fax (011) 38729553email: info@cepav.com.br>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletMadagascar iii

bulletO gato do espaço (the cat from outer space)

bulletBatman (1966)

bulletGato e rato (yu mao san xi jin mao shu)

bulletFlipper (1996)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletGato viriato

bulletA princesa e o sapo

bulletCrianca, cachorro que fala!

bulletO gato que falava com fantasmas

bulletO estranho caso do cachorro morto

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Crditos