Home Page > Dicas Veterinárias > A dor neuropática em cães

A dor neuropática em cães


Dor do sistema nervoso em cães

Dor neuropática geralmente resulta de uma lesão ou doença relacionados com os nervos do corpo e como eles funcionam, ou dentro da própria medula espinhal. Este tipo particular de dor é difícil identificar, especialmente em pacientes que são incapazes de responder a estímulos específicos.

Sintomas e tipos de

Danos aos tecidos do corpo, e os nervos que funcionam através deles, cria uma constante (proteger) dor que é causada por um leve toque para a área afetada e / ou uma percepção mais aguçada da dor. A dor originada dentro da medula espinhal, causando problemas na mobilidade e várias funções do corpo.

Alguns dos sintomas da dor neuropática pode incluir:

Mancando ou arrastando um membro
Agitação ou tremor da pele
Mastigação sobre a área afetada
Perda de massa muscular (atrofia)
Clamando (vocalizando)
Diminuição do apetite
Urinar e defecar de forma inadequada (incontin?ncia)

Causas

A dor neuropática pode resultar de uma lesão de tecidos do corpo ou um crescimento (tumor) na medula espinhal. Doenças que afetam a medula espinhal, tais como a doença do disco intervertebral (IVDD), pode causar dor em diferentes áreas do corpo, dependendo de qual parte do cabo é afetado. Outra causa potencial de dor neuropática é a amputação de um membro. Membro fantasma dor resulta na impressão de dor vindo de uma perna que foi removido cirurgicamente.

Diagnóstico

Em geral, dor neuropática é diagnosticada por exclusão de outras causas de dor e realização de testes de reflexo para avaliar o sistema nervoso. Eexames de sangue básicos podem ajudar a excluir causas infecciosas e doenças relacionadas. Raios-X e de imagem especial pode ser necessária a busca de tumores na medula óssea ou da coluna vertebral. Finalmente, uma boa discussão sobre o histórico médico do seu cão e sintomas prévios ajudará a levar ao diagnóstico correto.

Tratamento

Medicamentos analgésicos (aqueles que aliviam a dor) são usados como tratamento inicial para a dor neuropática. O valor dado talvez precise ser alterado até que o melhor efeito é obtido. Outros tipos de analgésicos pode ser julgado até o que funciona melhor para seu cão é encontrado. Alguns veterinários podem escolher usar vários medicamentos para a dor de uma só vez e depois diminuem gradualmente até que apenas um está sendo dada.

Um medicamento que tem sido utilizado com sucesso a longo prazo dor é a gabapentina. Este medicamentos anti-convulsivas tem propriedades analgésicas, que são particularmente eficazes para reduzir a dor neuropática em cães. A gabapentina é dada uma vez por dia para controlar a dor e pode ser administrado com ou sem alimentos. Os efeitos secundários particulares deste medicamentos incluem sedação, ganho de peso e tropeçando (ataxia). A diarréia pode ser visto também em alguns animais.

Gest?o

Cães com dor crônica pode ganhar alívio considerável de medicamentos analgésicos. A qualidade de vida para esses animais pode ser muito melhorado, enquanto a condição subjacente causando a dor está sob controle.

Em cães com problemas renais, a dose de gabapentina pode ser reduzida, como os medicamentos é processado através dos rins eles devem estar a funcionar adequadamente para os medicamentos a serem removidos a partir do corpo. Animais que est?o grávidas não devem ser tratados com gabapentina. Quando se interromper a medicação, gabapentina deve ser lentamente diminuída off para evitar apreens?es ocorram após o uso prolongado.



internet

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletCobra Sucuri

bulletO gato tico

bulletCanção da falsa tartaruga adriana calcanhotto

bulletA pulga e o percevejo

bulletA galinha e o galo carijó galinha pintadinha



Dicas Veterinárias:

bulletComo ? os animais tem direitos ??

bulletCavalos competições estabulagem concursos

bulletTratados feito animais

bulletGlaucoma

bulletSentidos do cão



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Dra Renata Avancini Médica veterinária, formada pela Universidade de Santo Amaro em 2007. Mestre e Doutora em Ci?ncias pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da Universidade de S?o Paulo (USP), em 2009 e 2012 respectivamente. Graduada em 2014 no Curso de Especialização em Produção e Sanidade de Animais de Biotério pela FMVZ USP. Experi?ncia em clínica geral, medicina regenerativa, biotecnologia com concentração em células tronco e experi?ncia em doc?ncia na disciplina de Anatomia dos Animais Domésticos. Professora de Anatomia Veterinária da Faculdade das Metropolitanas Unidas (FMU) e na Universidade Paulista (UNIP). Médica veterinária na CURAVET. Contato: contato@curavet.com.br>

bullet Daniel Zacharias Zago Médico Veterinário Clínica Geral e Reprodução Equina 11 82627922>

bullet Rafael Senos Médico Veterinário UFF Mestrando USP Técnico em Biotecnologia CEFETEQ RJ>

bullet Marcelo Augusto Especialista em Reprodução Equina CRMV SP 16223 http://www.hippusgenesis.com.br/>

bullet Dra. Vanessa Mollica Caetano Teixeira Médica veterinária Especialista em clínica e cirurgia ? UFV Mestre em cirurgia ? Unesp>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletBabe, o porquinho atrapalhado

bulletMarley e eu

bulletBatman forever (1995)

bulletCama de gato (cama de gato / cat s cradle)

bulletPiranhas



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletA princesa e o sapo

bulletO encantador de cães

bulletVira-lata? não! também sou cachorro

bulletCama de gato

bulletPassaro-camaleao, o

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos