Home Page > Dicas Veterinárias > Aumento da frequência cardíaca em cães

Aumento da frequência cardíaca em cães



Taquicardia sinusal em cães

Taquicardia sinusal (ST) é clinicamente descrito como um ritmo sinusal (batimentos cardíacos) com os impulsos que surgem a um ritmo mais rápido do que o normal: maior do que 160 batimentos por minuto (bpm) no padr?o de tamanho cães, 140 bpm em raças gigantes, 180 bpm no brinquedo raças, e 220 bpm nos filhotes de cachorro. Alterações na frequ?ncia cardíaca geralmente envolvem uma ação recíproca das divis?es parassimpática e simpática do sistema nervoso autônomo.

Taquicardia severa pode comprometer o débito cardíaco, como as taxas muito rápidas encurtar o tempo de nchimento diastólico, o ponto em que as câmaras do coração dilat s nchem de sangue que ocorre no espaço entre batimentos cardíacos. Particularmente em corações doentes, o aumento da frequ?ncia cardíaca pode não compensar a diminuição do volume, resultando em diminuição do débito cardíaco, diminuição do fluxo sanguíneo coronariano e um concomitante aumento na demanda de oxig?nio. Esta é a arritmia mais comum benigna em cães. É também a perturbação do ritmo mais comum em pacientes no pós-operatório.

Sintomas e tipos de

Muitas vezes sem sinais clínicos por causa condição é uma resposta compensatória a uma variedade de tensóes
Se associada á doença cardíaca primária, fraqueza, intolerância ao exercício, ou perda de consci?ncia podem ser relatados
Palidez das membranas mucosas se associada com anemia ou insufici?ncia cardíaca congestiva
Febre pode estar presente
Sinais de insufici?ncia cardíaca congestiva, tais como falta de ar, tosse, e palidez das membranas mucosas podem estar presentes quando ST está associada com doença cardíaca primária

Causas

Fisiológicas

Exercício
Dor
Limitação
Excitação
Ansiedade, raiva, susto

Patológicas

Febre
Insufici?ncia cardíaca congestiva
Doença pulmonar crônica
Choque
Líquido no peito
Anemia
Infecção / sepse
Baixos níveis de oxig?nio / hipóxia
Coágulo sanguíneo pulmonar
Pressão arterial baixa
Reduzido volume de sangue
Desidratação
Tumor

Fatores de Risco

Medicamentos da tireóide
Primária de doenças cardíacas
Inflamação
Gravidez

Diagnóstico

Porque há tantas coisas que podem causar esta condição, é difícil de diagnosticar e diferenciar de outras doenças semelhantes. Seu veterinário irá diagnóstico diferencial mais provável uso. Este processo é guiado por uma profunda inspeção dos sintomas aparentes para fora, afastar cada uma das causas mais comuns até a desordem correta é liquidada em cima e pode ser tratada adequadamente.

Seu veterinário irá realizar um exame físico completo sobre o seu cão, tendo em conta o historial de sintomas que você forneceu e possíveis incidentes que possam ter levado a essa condição. Um perfil completo de sangue será realizada, incluindo um perfil químico no sangue, um hemograma completo, e um exame de urina,que pode apresentar infecções do sangue ou distúrbios dos órg?os (g, coração, rins).

Seu médico também pode solicitar radiografia de tórax para procurar possíveis evid?ncias de doença cardíaca primária ou tumores. Um eletrocardiograma (ECG, ou ECG) é essencial para avaliar a correntes elétricas nos músculos do coração, e pode revelar qualquer anormalidade na condução elétrica cardíaca (que subjaz a capacidade do coração de contrair / vencer), e pode mostrar doenças cardíacas estruturais que afectam o coração. Ultra-som e angiografia também são muito úteis para avaliar massas adrenais. Seu médico também pode realizar um scan da tireóide para avaliar o seu cão para hipertireoidismo.

Tratamento

Seu veterinário irá desenvolver um plano de tratamento para o seu cão uma vez que o diagnóstico tenha sido confirmado. Se há uma causa subjacente, que será o foco principal do tratamento.



internet

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletO gato vinicius de moraes

bulletHomem com h

bulletTartaruga uguinha celelê e talili

bulletCachorro tchakabum

bulletBoi



Dicas Veterinárias:

bulletEfeitos colaterais dos medicamentos de ansiedade em cães

bulletDesintegração da articulação do quadril em cães

bulletAlimentação dos equinos

bulletTumor venéreo transmissível em cães (tvt)

bulletA importância da placa de identificação



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Alexandre Cury Instrutor de Hipismo
centro hípico mirassol
(19) 32460423 ? 91322162
e-mail: mrpccury@uol.com.br>

bullet Dr. Ciro Pinheiro Mathias Franco Medico Veterinário atuante em odontologia eqüina. Cel. (11) 9814 6666 E mail: ciromedvet@ig.com.br>

bullet Diskvet Telefone: (19) 32581887 / 33081887 / 33081886 Celular: (19) 93183040 (emerg?ncia) Email: diskvet@gmail.com Av. Antonio Carlos Couto de Barros, n? 1156 Sousas Campinas / SP>

bullet Rafael Senos Médico Veterinário UFF Mestrando USP Técnico em Biotecnologia CEFETEQ RJ>

bullet Carlos Artur Lopes Leite é médicoveterinário graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e especialista em Micologia Médica pela Carl von Ossietzky Universität (Alemanha). É também mestre em Medicina e Cirurgia Veterinárias pela UF>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletDoce pássaro da juventude (sweet bird of youth)

bulletBatman e robin (1949)

bulletRin tin tin - o filme

bulletBatman e robin (1997)

bulletBenji - um amigo especial



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletO gato que falava com fantasmas

bulletQuem e mais feliz: voce ou o seu cachorro?

bullet97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

bulletEu não sou cachorro, não

bulletMais que um leao por dia

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos