Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Problemas de coluna nos animais (discopatias)

Compartilhe em suas redes sociais:

Problemas de coluna nos animais (discopatias)



As discopatias são alterações nos discos localizados entre as vértebras que acabam por comprimir a medula espinhal ou as raízes nervosas responsáveis por déficits de locomoção dos animais é a causa mais frequente de paralisia em cães e gatos.

Frequentemente leva a distúrbios locomotores e neurológicos, onde o sistema nervoso é o responsável pelos movimentos e sensibilidade. Portanto, alterações do sistema nervoso podem causar dificuldade ou perda de movimentos (paralisias ou fraqueza muscular), diminuição ou perda da sensibilidade, dor intensa e incontin?ncia urinária e/ou fecal.
As discopatias podem ser por lesões agudas da medula espinhal, como as Hérnias agudas (Hansen do tipo I), traumatismos (causando fraturas e/ou luxações das vértebras) ventos vasculares (embolismo fibrocartilaginoso) ou por lesões crônicas da medula espinhal que são caracterizadas por alterações degenerativas vertebrais e dos tecidos moles associados, acometendo principalmente cães idosos, como exemplos dessa alteração, temos a espondilomielopatia cervical caudal (Síndrome de Wobbler), discopatia cervical ou toracolombar de Hansen do tipo II, malformações espinhais, entre outras.
Os sinais clínicos de lesão na coluna cervical alem da dor, o animal fica com a cabeça baixa, orelhas para trás, pescoço rígido, locomoção cautelosa e varia de leve ataxia a tetraparesia. Já os sinais clínicos de lesão na coluna toracolombar são altamente variáveis, como a presença de cifose da regi?o toracolombar com presença de dor na palpação, redução ou aus?ncia da propricepção (Percepção do próprio corpo, e inclui a consci?ncia da postura, do movimento, das partes do corpo e das mudanças no equilíbrio, além de nglobar as sensações de movimento e de posição articular), relutância para andar, em alguns casos apresentam alterações na função da bexiga.
As raças mais afetadas são Dachshund, Lhasa-Apso, Pequin?s. Assim que os sinais surgem o animal deve ser levado rapidamente ao veterinário para que o tratamento seja prontamente instituído e as chances de recuperação sejam maiores.
O diagnóstico é baseado na entrevista, exame clínico neurológico e radiografias (simples e contrastadas) ou, em algumas circunstâncias por tomografia computadorizada ou ressonância magnética.
Em humanos, os métodos fisioterápicos e de acupuntura são utilizados para o tratamento conservador das discopatias essas técnicas v?m sendo adaptadas aos animais, onde tem demonstrado eficácia no tratamento das discopatias nos cães e favorecendo a recuperação clínica dos animais tratados, sendo utilizada no alívio da dor podendo se usar a acupuntura, o laser terapêutico, o ultrassom terapêutico, a eletroterapia com a corrente TENS, termoterapia como o calor (ex: luz infravermelho) e o frio, na normalização da função motora e sensorial podendo usar a acupuntura, Eestímulos Neuro Sensoriais com escova, agulha, calor/frio e cinesioterapia (Bola suíça, esteira seca, prancha de equilíbrio, entre outros.), trabalhando o fortalecimento e resist?ncia do animal com esteira seca, eletroterapia com a corrente FESS e cinesioterapia e nos distúrbios de micção e fecal com acupuntura.
Caso seu animal apresente um ou mais sinais clínicos descritos procure um profissional especializado de sua confiança.




Contatos dos Autores:
Manuelle Audino Rodrigues de Sá Médica veterinária CRMV 25073 fisiopet@yahoo.com.br



O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletVai viajar ?

bulletTumores

bulletO bem estar equino

bulletLerneose

bulletOscar


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet dr joão alfredo kleiner dvm, msc especialista em oftalmologia e clínica cirúrgica geral acvo ophthalmology course wisconsin, madison ? 1998 e-mail: docjak@vetweb.com.br

bullet Sérgio Villa Santi

bullet Dr. Carlos Artur Lopes Leite é médico veterinário graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e especialista em Micologia Médica pela Carl von Ossietzky Universität (Alemanha). É também mestre em Medicina e Cirurgia Veterinárias pela UF

bullet dra rúbia burnier
crmv 4/5870
veterinária especialista em comportamento animal
www.vetmovel.com.br
www.espacoanimal.com.br
telefone : (11) 9996 1222

bullet Janaína Biotto, médica veterinária e diretora do Vila Chico Pet Hotel www.vilachicopethotel.com.br.

Ver todas as Dicas dos Colunistas




Letras de Música com temas Animais:


bulletBoi de lágrimas

bulletReidosratos

bulletVou te rebocar

bulletVoa voa passarinho

bulletDou não dou

Ver todas as Letras de Músicas




Cinema, Filmes e Seriados:


bulletManda-chuva o filme (don gato y su pandilla)

bulletUma cilada para roger rabbit

bulletOlhos de gato (cat s eye)

bulletMeu maior amigo

bulletV


Ver todos os filmes e seriados




Livros Animais

bulletFalando de passaros e gatos

bulletSinopse do livro 97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

bullet97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

bulletCães de guerra

bulletNo meu peito não cabem pássaros

Ver todos os Livros



Dinheiro / Notas Animais



Garoupa
R$ 100


Beija flor
R$ 1


Garça branca grande
R$ 5


Arara vermelha
R$ 10


Mico leão-dourado
R$ 20


Onça pintada
R$ 50


Tartaruga-de-pente
R$ 2


Lobo Guará
R$ 200


Ver todas as Notas e Moedas



Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos