Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Como fazer um cachorro vomitar

Compartilhe em suas redes sociais:

Como fazer um cachorro vomitar



Você volta para casa e percebe que seu cachorro não parece estar muito bem. Depois de examinar o local, você descobre que ele entrou em contato com alguma substância nociva — algo que poderia colocar a vida do animal em risco se continuasse organismo dele. Não é nada agradável fazer um cachorro vomitar, mas esse pode ser um primeiro passo importante para que ele elimine a toxina do corpo. Para fazer isso, aprenda a administrar água oxigenada, obter tratamento veterinário e seguir algumas regras gerais para induzir um cão a vomitar.

 

Parte 1

Administrando água oxigenada

  1. Imagem

    1

    Descubra se o cachorro precisa vomitar. Antes de induzir o cão ao vômito, veja se essa medida é a melhor a ser tomada. É preciso tomar essa atitude em casa se o animal tiver ingerido alguma das seguintes substâncias:
    • Anticongelante (caso ele tenha engolido em no máximo duas horas).[1]
    • Chocolate.[2]
    • Uva ou uva passa.[3]
    • Paracetamol ou ácido acetilsalicílico.[4]
    • Plantas, como azaleia e narciso.[5]
  2. Imagem

    2

    Leve o cachorro para outro lugar. Se ele estiver deitado na cama dele ou no tapete, é preciso levá-lo para algum lugar antes de induzi-lo ao vômito. Por exemplo, leve-o para o quintal ou coloque-o em algum lugar onde seja possível limpar facilmente o vômito, como uma sala revestida com piso emborrachado.[6]
    • Se o cão estiver fraco, pode ser que ele não consiga andar com facilidade por conta própria. Pode ser necessário carregá-lo ou ao menos ajudá-lo a caminhar para o local desejado.
  3. Imagem

    3

    Dê uma refeição pequena a ele. No começo, pode parecer estranho alimentar um cão para fazê-lo vomitar. No entanto, dar um pouco de comida pode, na verdade, aumentar a chance de que o cão vomite. Uma pequena porção de ração enlatada ou uma fatia de pão são boas opções.[7]
    • A comida enlatada é mais fácil de comer e é mais saborosa do que a ração seca.
    • O cachorro pode não querer comer por conta própria. Se isso acontecer, tente colocar a comida diretamente na boca dele.
    • Não perca muito tempo tentando fazê-lo comer.
  4. Imagem

    4

    Telefone para o veterinário ou para um hospital de animais. Essa medida é muito importante! Não tente fazer o cão vomitar antes de ligar para o veterinário ou para o atendimento do hospital.[8] Quando você telefonar, forneça o máximo de informações que puder para que os especialistas consigam instruí-lo sobre o que fazer (e o que não fazer) em seguida. Dentre as informações importantes estão:
    • O que você acha que o cão ingeriu (plantas tóxicas, produtos de limpeza, chocolate).
    • Há quanto tempo você acha que ele comeu a toxina.
    • Os sintomas do cão.
    • O tamanho do cachorro.
  5. Imagem

    5

    Descubra a quantidade de água oxigenada em uma solução de 3% (10 volumes) o cachorro precisa. Se o veterinário disser que é bom induzir o cão ao vômito, dê a água oxigenada, encontrada em qualquer farmácia, ao animal. Esse é o produto mais usado para provocar o vômito em cães.[9] Dê uma colher de chá de água oxigenada para cada 4,5 kg de peso corporal do animal.[10]
    • Use uma colher com medidas para dosar a quantia correta de água oxigenada.
  6. Imagem

    6

    Administre a substância. a essa quantia de água oxigenada com um conta-gotas[11] e despeje-a o mais profundo que puder na língua do animal.[12]
    • Não misture a água oxigenada na comida ou na água do bichinho antes de medir com o conta-gotas.[13]
  7. Imagem

    7

    Leve o cão para passear. A caminhada pode incentivá-lo a vomitar ao permitir que a água oxigenada seja misturada aos restos que estiverem no estômago do animal.[14] Caminhe com ele por cerca de cinco minutos. Se o cachorro não quiser andar, balance ou mexa a barriga dele com delicadeza.[15]

  8. Imagem

    8

    Espere o cachorro vomitar. Geralmente, o animal vomita cinco minutos após a administração da água oxigenada. Se ele não vomitar em até dez minutos, dê outra dose da substância.[16]
    • Algumas fontes dizem para não dar mais do que duas doses de água oxigenada ao cão.[17] Já outras acham que é aceitável dar até três doses.[18] Antes de dar a terceira dose, ligue para o veterinário.

 

Parte 2

Recebendo os cuidados de um veterinário

  1. Imagem

    1

    Leve o animal de estimação ao veterinário. O cachorro precisa receber tratamento do veterinário mesmo que já tenha vomitado. Vomitar é apenas uma maneira rápida de ajudar na recuperação, mas não retira toda a toxina do estômago do cão.[19] Cuidados veterinários são essenciais se o cão não vomitar, o que significa que ele precisa de alguma coisa mais forte do que água oxigenada.[20]
    • Não demore para levar o cão ao veterinário.
    • Se ele tiver vomitado, tire uma foto para mostrar para o veterinário.
  2. Imagem

    2

    Conte ao veterinário o que aconteceu. Mesmo que já tenha falado com o profissional antes de dar a água oxigenada, é útil repetir o que houve enquanto o médico examina o cachorro. Você também precisa dizer a ele a quantia de água oxigenada dada ao cão e quantas vezes a medida foi tomada.
    • Se o animal vomitou, descreva como era a aparência do vômito ou mostre uma foto.
  3. Imagem

    3

    Deixe o veterinário cuidar do seu cão. Ele tem acesso a medicamentos que provocam o vômito, assim como a substâncias que ajudam a evitar a absorção de toxinas. Por exemplo, o veterinário pode dar carvão ativado para o cachorro, pois o carvão se liga às substâncias tóxicas no sistema digestivo e evita uma absorção maior.[21]
    • A apomorfina é um medicamento opiáceo que pode induzir cães ao vômito. Geralmente, ela age em cinco ou dez minutos.[22]
    • Uma droga chamada xilazina também pode causar vômito em cães.[23]
    • O veterinário é capaz de indicar o melhor jeito para tratar a ingestão da substância tóxica no bicho de estimação.

 

Parte 3

Aprendendo outros modos de provocar o vômito

  1. Imagem

    1

    Pesquise quais substâncias não podem ser eliminadas por vômito. Certas substâncias podem causar diversos danos depois de ingeridas se forem regurgitadas. Se você souber que o seu cão ingeriu algum dos seguintes produtos, não o induza ao vômito:[24]
    • Água sanitária.
    • Desentupidor.
    • Substâncias à base de petróleo, como gasolina.
  2. Imagem

    2

    Observe sintomas graves de envenenamento. Fazer o cachorro vomitar pode ser perigoso se ele estiver extremamente mal ou desacordado. Se o cão apresentar esses sintomas de envenenamento grave, não o induza ao vômito. Leve-o imediatamente ao veterinário. Observe os seguintes sinais de envenenamento grave:[25]
    • Dificuldade respiratória.
    • Aparência deprimida.
    • Convulsões.
    • Batimentos cardíacos fracos.
    • Inconsciência.
  3. Imagem

    3

    Não use xarope de ipeca ou sal para provocar o vômito. O xarope de ipeca costuma ser recomendado para induzir cães a vomitar. Entretanto, ele pode permanecer no estômago e causar irritação caso o bicho de estimação não consiga vomitar. O sal também não é recomendado, pois pode se tornar tóxico ao ser administrado em grandes quantidades ao cão.[26]

  4. Imagem

    4

    Induza-o ao vômito imediatamente. Se possível, faça o cachorro vomitar no máximo duas horas após ele ter ingerido alguma substância tóxica.[27] Após duas horas, a toxina vai para o intestino, tornando a indução ao vômito ineficaz.[28]

Dicas

  • Ler o rótulo da substância tóxica é uma ótima maneira de saber se o cão deve ou não vomitar.[29]

 

Avisos

  • Objetos pontiagudos podem perfurar a camada que reveste o estômago e o esôfago do animal. Se você souber que o cachorro engoliu um objeto pontiagudo, não o induza ao vômito.[30]


Contatos dos Autores:
https://pt.wikihow.com/Induzir um C%C3%A3o a Vomitar



O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletVocê deixa seu cachorro cheirar tudo em volta?

bulletPescoço e dores nas costas em cães

bulletImportância do pedigree

bulletOdontologia equina

bulletCuidados com a cadela gestante


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet Virgínia Figuerôa (11) 55061144 / virginia@ecco.inf.br

bullet Darby de Lima
darbykpl@hotmailcom

bullet SKS Promoções Silvia Milani sksprom@uol.com.br

bullet dr clélio costa carreira
médico veterinário
crmv 1910
hovet campinas - hospital veterinário campinas av orosimbo maia 2565 - campinas fone (19) 3294 3377

bullet Claudia Niemeyer (11) 77130407 claudia@veterinariaaves.com.br www.veterinariaaves.com.br

Ver todas as Dicas dos Colunistas




Letras de Música com temas Animais:


bulletO pescoço da girafa

bulletAnjo e serpente

bulletPassarinho

bulletFeliz pra cachorro

bulletCaipira

Ver todas as Letras de Músicas




Cinema, Filmes e Seriados:


bulletBatman (1989)

bulletDoce pássaro da juventude (sweet bird of youth)

bulletProcurando nemo

bulletGodzilla

bulletCama de gato (cama de gato / cat s cradle)


Ver todos os filmes e seriados




Livros Animais

bulletUm gato entre os pombos

bulletPassaros sao eternos, os

bulletSinopse do livro 97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

bulletUm gato indiscreto e outros contos

bulletA volta do gato preto

Ver todos os Livros



Dinheiro / Notas Animais



Garoupa
R$ 100


Beija flor
R$ 1


Garça branca grande
R$ 5


Arara vermelha
R$ 10


Mico leão-dourado
R$ 20


Onça pintada
R$ 50


Tartaruga-de-pente
R$ 2


Lobo Guará
R$ 200


Ver todas as Notas e Moedas



Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos