Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Coronavírus em pássaros

Compartilhe em suas redes sociais:

Coronavírus em pássaros



Aves são portadoras comuns dessa família de vírus, porém, em novo agente contaminante encontrado na China, a transmissão ocorre entre humanos.





Talha-mar

Talha-mar é examinado pelos pesquisadores (Foto: Isaac Simão)


Em dezembro de 2019, uma variação de Coronavírus, COVID-19, atingiu a população de Wuhan, na China e se espalhou por outros trinta países. Aproximadamente, 60 mil casos ocorreram no país, causando 1,3 mil mortes. Os únicos continentes que não registram casos do vírus são a América Latina e a África.

O coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O que foi descoberto na China é um novo agente, como os tipos que causam o SARS e o MERS. O primeiro caso de coronavírus em humanos foi documentado em 1937, porém somente em 1965 o vírus foi caracterizado como coronavírus. A despeito de ser uma família de vírus com altas taxas de mutações e recombinações, apenas cinco coronavírus são conhecidos até o momento. A maioria das pessoas se contamina com tipos comuns ao longo da vida.

No campo veterinário, os coronavírus são monitorados em aves domésticas há muitos anos por conta de seu possível impacto na produção e economia. Em aves silvestres no ambiente natural, esta é uma área relativamente recente. O Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres (Cemave/ICMBio) é uma das instituições que estudam o tema.

Em 2018, o Cemave participou como co-autor da publicação do artigo científico “Divergent coronaviruses detected in wild birds i n Brazil, including a central park in São Paulo”. O estudo apresentou uma análise retrospectiva da presença de coronavírus em aves silvestres no ambiente natural. Ao todo, 746 aves foram amostradas, muitas delas durante expedições de campo realizadas pelo Cemave. A publicação pode ser consultada aqui.

Segundo a analista ambiental do Cemave, Patrícia Serafini, uma das autoras do artigo, o Cemave  trabalha com aves migratórias e suas rotas e é apoiador histórico de pesquisas que visam compreender o transporte de patógenos durante a migração. As aves migratórias do Brasil estudadas, sendo um dos locais do Parque Nacional da Lagoa do Peixe (RS), passam por localidades na América Central, nos Estados Unidos e no Canadá.

A pesquisa detectou coronavírus em aves como o talha-mar (Rynchopus niger) e em aves migratórias neárticas, como são chamadas as espécies que se reproduzem na América do Norte, e passam o período não reprodutivo nos trópicos. O estudo encontrou a circulação de coronavírus tanto em aves migratórias quanto em aves residentes em distintas regiões do país.

CHANCE DE CONTAMINAÇÃO É REMOTA

Apesar de aves serem hospedeiros relativamente comuns do coronavírus, a chance de que o COVID-19 chegue ao país por meio delas é muito remota. Ainda não foram notificadas às autoridades da Organização Internacional de Epizootias (OIE) quaisquer mortalidades em massa de aves migratórias ou de outros tipos causados por este novo vírus. Pelos padrões observados, o vírus está se espalhando pelo contato entre humanos.

Serafini também esclarece que mesmo no caso de aves migratórias portarem o novo vírus, as chances de contaminação são mínimas se os criadouros observam as medidas de biossegurança na produção avícola. De acordo com ela, o SARS e COVID-19 fazem parte de um subgrupo de vírus conhecido como betacoronavírus. Extensivas investigações em campo após o surto de SARS em 2002-03 encontraram esses vírus apenas em mamíferos. Há grande probabilidade deste COVID-19 ser também um vírus de mamíferos, contudo, mais investigações em campo e testes laboratoriais são necessários para esta comprovação.



Contatos dos Autores:
https://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas noticias/20 geral/10924 artigo do cemave aborda coronavirus em aves migratorias



O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletComo colocar os peixes no aquário

bulletCinomose e os florais de bach

bulletEstomatite vesicular

bulletComo funciona a flora intestinal dos cães?

bulletO tratamento para o envenenamento por arsênico em cães


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet Nome, Telefones, Endereço, Email, Website, facebook ou outras redes sociais

bullet SKS Promoções Silvia Milani sksprom@uol.com.br

bullet RENAL VET SÃO PAULO: Endereço: Rua Heitor Penteado, 99 Sumaré, São Paulo/SP. Telefones: (11) 38752666 e (11) 38725138. Telefone para emergências: (11) 98985622. Site: www.renalvet.com.br Email: renalvet@br.inter.net RENAL VET RIO DE JA

bullet Gabriela Costa CRMV 7955 RJ
gabriela@veterinariahome.com.br,
http://www.veterinariahome.com.br
whatsapp : (21)99600-7788

bullet Pedro Lauane Barbosa Campioni VET HOME clinica veterinária e banho e tosa vinhedosp (19) 38865677

Ver todas as Dicas dos Colunistas

Letras de Música com temas Animais:


bulletQue tiro foi esse

bulletO galo cantou clara nunes

bulletSimples carinho

bulletJulieta tá

bulletFaroeste cabloco

Ver todas as Letras de Músicas

Cinema, Filmes e Seriados:


bulletMamãe virei um peixe (hjælp, jeg er en fisk)

bulletEu sou a lenda

bulletBenji - um amigo especial

bulletCavalo de guerra

bulletCaninos brancos


Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletNo meu peito não cabem pássaros

bulletCães de guerra

bulletUm gato entre os pombos

bulletAmazonas aguas, passaros, seres e milagres

bulletUm gato aprende a morrer

Ver todos os Livros

Dinheiro / Notas Animais



Garoupa
R$ 100

Beija flor
R$ 1

Garça branca grande
R$ 5

Arara vermelha
R$ 10

Mico leão-dourado
R$ 20

Onça pintada
R$ 50

Tartaruga-de-pente
R$ 2

Ver todas as Notas e Moedas

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos