Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Descubra tudo sobre o câncer de útero em cadelas

Compartilhe em suas redes sociais:

Descubra tudo sobre o câncer de útero em cadelas


O câ;ncer de útero em cadelas é uma ocorrência comum e independe de qual é a raça do animal. Conheça os sintomas e o diagnóstico deste problema


O câ;ncer de útero em cadelas, infelizmente, é uma ocorrência comum, independente de qual é a raça do animalzinho de estimação. Este problema é caracterizado pela formação do crescimento anormal das células do útero, e as causas podem estar relacionadas à presença de infecções bacterianas, como a piometra, a presença de hormônios e fatores genéticos.


O tutor deve sempre estar bem atento à saúde da sua pet e, caso note qualquer anormalidade no sistema genito-urinário, como a presença de qualquer tipo de corrimento, deve levar o animal de estimação ao veterinário imediatamente.


Sintomas do câ;ncer de útero em cadelas


São diversos os tipos de neoplasias, como leiomiomas e fibrossarcomas, que podem ocorrer em qualquer cadela de qualquer raça, e que já tenha alcançado a maturidade sexual. A forma mais comum de câ;ncer uterino em cadelas é o leiomioma, denominado pelos patologistas como “tumor benigno”. Embora seja assim considerado, o problema deve receber toda atenção como qualquer tipo de câ;ncer, pois eles podem crescer bastante e devem ser removidos por meio de cirurgia.


Apenas o exame clínico e biópsias realizados por um médico veterinário poderão determinar qual o tipo de câ;ncer. Não existe um sintoma específico de câ;ncer em cadelas, mas um conjunto de fatores que levam o especialista a considerar a doença.


Descubra


Foto: Reprodução/ internet


Os sintomas mais comuns de câ;ncer de útero em cadelas incluem apatia ou tristeza, falta de apetite, corrimento ou qualquer tipo de sangramento vaginal, aumento da ingestão de água, ocorrência de vômitos, tosse e qualquer tipo de aumento na região abdominal.


Os sintomas podem ou não serem observados ao mesmo tempo, mas todos eles são importantes para o diagnóstico da doença. Caso observe um ou mais sintomas descritos, o tutor deve levar a cadela a um veterinário o mais rápido possível.


Quando não são tratados, os casos de câ;ncer uterino podem evoluir bastante e levar o bichinho à morte. Existem ainda os casos em que a doença está associada a infecções secundárias ao câ;ncer, como a piometra, que aumenta o risco de uma infecção generalizada.


Estes problemas também podem comprometer a fertilidade da cadela, além de causarem abortos e outros problemas na hora do parto, como o nascimento de filhotes prematuros.


Prevenção


Para evitar esta doença, uma boa opção é a castração da cadela. E nos casos em que o pet não é castrado, o tutor nunca deve aplicar medicamento para inibir o cio, pois eles aumentam os riscos de desenvolvimento de doenças no útero.


As cadelas ainda podem desenvolver um tipo de câ;ncer de origem infecciosa, denominado Tumor Venéreo Canino. Para prevenir o problema, o contato com cães contaminados deve ser evitado.


Diagnóstico e tratamento


O diagnóstico preciso do câ;ncer do útero em cadelas é feito por um médico veterinário, por meio de exame clínico e exames laboratoriais, como biópsias e exames de sangue, raios X ou ultrassom.


O tratamento consiste em quimioterapia, que é empregada de acordo com o diagnóstico, e as cirurgias são realizadas de acordo com o critério do veterinário.



http://www.clubeparacachorros.com.br/saude/doencas/descubra tudo sobre o cancer de utero em cadelas/

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletNós, Os Gatos

bulletCachorro manco lourenço e lourival

bulletAuto do boi

bulletO bichinho

bulletChora viola



Dicas Veterinárias:

bulletDoença de pele degenerativa (dermatite necrolítico) em cães

bulletO tumor do útero em cães

bulletO que fazer se meu cachorro mancar

bulletMiados

bulletComo prestar primeiros socorros ao seu cão



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Av. Brasil 1772, Jd. Chapadão Campinas/SP * ATENDIMENTO 24HRS * (ao Lado do posto Shell cruzamento com a Imperatriz Leopoldina x Francisco josé de Camargo Andrade) (19) 3212 2601 (19) 9822 3758 contato@edosbichos.com.br>

bullet Dra Renata Avancini Médica veterinária, formada pela Universidade de Santo Amaro em 2007. Mestre e Doutora em Ciências pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da Universidade de São Paulo (USP), em 2009 e 2012 respectivamente. Graduada em 2014 no Curso de Especialização em Produção e Sanidade de Animais de Biotério pela FMVZ USP. Experi?ncia em clínica geral, medicina regenerativa, biotecnologia com concentração em células tronco e experi?ncia em doc?ncia na disciplina de Anatomia dos Animais Domésticos. Professora de Anatomia Veterinária da Faculdade das Metropolitanas Unidas (FMU) e na Universidade Paulista (UNIP). Médica veterinária na CURAVET. Contato: contato@curavet.com.br>

bullet M.V. Arthur César Ferreira Av. Brasil 1772, Jd. Chapadão Campinas/SP * ATENDIMENTO 24HRS * (ao Lado do posto Shell cruzamento com a Imperatriz Leopoldina x Francisco josé de Camargo Andrade) (19) 3212 2601 // (19) 9822 >

bullet UNESCO em Bruxelas, no dia 27 de janeiro de 1978>

bullet Rafael Senos Médico Veterinário UFF Mestrando USP Técnico em Biotecnologia CEFETEQ RJ>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletNo olho do gato (dans l oeil du chat)

bulletMinha vida de cachorro (mitt liv som hund)

bulletBatman (1989)

bulletQualquer gato vira-lata

bulletBingo - esperto pra cachorro (bingo)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletUrologia e nefrologia do cão e do gato

bulletGato que gostava de cenoura

bulletCama de gato

bulletPassaro-camaleao, o

bulletVira-lata? não! também sou cachorro

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos