Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Primeiros socorros para picada de aranha

Compartilhe em suas redes sociais:

Primeiros socorros para picada de aranha



As aranhas podem ser venenosas e representar um verdadeiro perigo para a saúde, principalmente as pretas e as marrons, que normalmente são as mais perigosas.


99665da67b69ddcf750f77652888f546-315_210


O que se deve fazer, caso se seja picado por uma aranha, consiste em:


  1. Lavar o local da picada com água e sabão;

  2. Elevar o membro onde está a picada, como mostra a imagem 1;

  3. Não amarrar nem apertar o local da picada, como mostra a imagem 2;

  4. Não sugar o veneno da picada;

  5. Colocar compressas mornas ou um pano molhado com água quente no local da picada para aliviar a dor;

  6. Ir imediatamente ao hospital para iniciar o tratamento adequado.


Se possível levar a aranha, mesmo que morta, para o hospital para ajudar os médicos a identificar melhor o tipo de aranha que fez a picada, facilitando o tratamento e acelerando a recuperação.


aranha-marrom-3-640-427


1. PICADA DE ARANHA MARROM


As picadas provocadas por este tipo de aranha são mais frequentes nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, como São Paulo, Paraná ou Rio Grande do Sul. A aranha marrom é um tipo pequeno de aranha que pode atingir os 3 cm de comprimento e seu corpo é de cor marrom acizentada.


Onde se encontram: são mais ativas durante a noite e, por isso, durante o dia escondem-se em locais escuros como raízes, cascas de árvores, atrás de móveis, em garagens, caixas abandonadas ou tijolos, por exemplo.


Sintomas da picada: inicialmente não se sente a picada da aranha, mas até 24 horas surge uma dor que vai aumentando na região da picada. Essa região pode ainda ficar vermelha e desenvolver bolhas ou inchaço. Após 5 dias é comum o surgimento de uma casquinha preta na pele que cai, 2 a 3 semanas depois, deixando uma ferida que deve ser tratada no hospital.


Cuidados especiais: deve-se manter a região sempre seca e evitar fazer atividade física, pois pode ajudar a espalhar o veneno pelo corpo.


TRATAMENTO PARA PICADA DE ARANHA MARROM


O tratamento deve ser feito no hospital com a injeção do soro para o veneno da aranha marrom. Em alguns caos, especialmente quando já passaram mais de 24 horas, o médico pode não aconselhar o uso do soro porque o seu efeito pode não compensar os riscos.


Além disso, a casquinha provocada pela picada da aranha deve ser removida através de uma cirurgia para facilitar a cicatrização e os tratamentos do local devem ser feitos por um enfermeiro no hospital. Nos casos mais graves, em que a picada afetou uma região muito grande, pode ainda ser necessário fazer uma cirurgia reparadora do local.


aranha-aramadeira-4-640-427


2. PICADA DE ARANHA ARMADEIRA


Estas picadas são frequentes em todo o território brasileiro, uma vez que, é possível encontrar esta aranha por toda a América do Sul. No entanto, existe um maior número de casos durante os meses de março e abril no Sudeste do país, pois são períodos no qual a aranha armadeira está mais ativa.


A aranha armadeira, geralmente, é uma aranha grande que pode atingir os 15 cm de comprimento e seu corpo é marrom acizentado ou amarelado. Este tipo de aranha é conhecido por adotar uma posição de defesa que consiste em se apoiar sobre os 2 últimos pares de pernas, erguendo a cabeça e as pernas da frente. Elas também podem saltar em direção ao seu inimigo, até 40 cm de distâ;ncia.


Onde se encontram: podem ser encontradas em locais escuros e úmidos como cascas de árvores, troncos caídos, bananeiras, dentro de sapatos, atrás de móveis ou cortinas, por exemplo.


Sintomas da picada: surge dor intensa logo após a picada, acompanhada de marcas, inchaço e vermelhidão no local da picada. Além disso, pode acontecer aumento do batimento cardíaco, suor excessivo, vômitos, diarreia, agitação e aumento da pressão arterial.


TRATAMENTO PARA PICADA DE ARANHA ARMADEIRA


O tratamento deve ser feito no hospital com a injeção de anestésicos no local da picada para ajudar a reduzir a dor que acaba por desaparecer até 3 horas após o acidente. Somente nos casos de sintomas mais graves, como diminuição dos batimentos cardíacos ou falta de ar, é necessário fazer o tratamento com soro para o veneno desta aranha.


viuva-negra-5-640-427


3. PICADA DE VIÚVA NEGRA


Este tipo de aranha é mais comum junto a região com mar, especialmente perto de praias abandonadas, mas as picadas podem acontecer por todo o Brasil, pois a viúva negra está distribuída por regiões tropicais e temperados.


A viúva negra é um tipo pequeno de aranha, com cerca de 2 cm, que tem pernas longas e finas, assim como corpo de cor preta com uma mancha na região da barriga, normalmente de cor vermelha. Embora esta aranha não ataque, ela pode picar quando é pressionada contra o corpo.


Onde se encontram: permanecem em locais úmidos e escuros e, por isso, podem estar em locais como arbustos, pneus, latas vazias, sapatos e gramados, por exemplo.


Sintomas da picada: começam com um dor aguda no local da picada, como se tivesse um alfinete picando, sendo que após 15 minutos a dor se transforma em uma sensação de queimação que piora durante 48 horas. Também são comuns sintomas como náuseas, vômitos, dores musculares e aumento da temperatura corporal.


TRATAMENTO PARA PICADA DE VIÚVA NEGRA


O tratamento deve ser iniciado no hospital o mais rápido possível com a injeção do soro específico para o veneno da aranha. Normalmente os sintomas melhoram até 3 horas após o inicio do tratamento, mas o paciente deve ficar internado por 24 horas para observar se os sintomas voltam a surgir.


Saber o que fazer neste tipo de situações é importante para salvar uma vida.



Contatos dos Autores:
http://policlinicaveterinaria.com.br/primeiros socorros para picada de aranha/



O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletDisplasia coxofemoral em cães

bulletO estreitamento do esôfago em cães

bulletInfecção uterina na égua

bulletModalidade equestre freio de ouro

bulletTumor testicular (células de sertoli) em cães


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet Matheus Rodrigues Bonfim matheus@petlive.com.br

bullet Priscila Thomazelli Atleta, Amazonas, Instrutora e Treinadora de Equitação Engenharia Civil, de Segurrança do Trabalho, Meio Ambiente e Qualidade (11) 9 9944-2168 www.dressagearteequestre.com

bullet Samantha Brasil
antropóloga criadora de labrador e yorkshire
www.canilalfakitnet canilalfa@globocom
(21) 3367 - 3247 / 3366 - 3900 / 8808 - 3001
ilha do governador - rio de janeiro

bullet Adriana Morales Médica Veterinária CRMV: 6467 Membro do Colégio Brasileiro de Oftamologia Veterinária. Avenida 11 de Agosto, 1693. Valinhos/SP Tel.: 19 38492522

bullet Carlos Almeida carlos henrique l n almeida
consultor da cobrap - confederação brasileira de criadores de pássaros
www.carduelis.bio.br
carduelis@carduelisbiobr

Ver todas as Dicas dos Colunistas

Letras de Música com temas Animais:


bulletLágrimas de crocodilo joão carreiro e capataz

bulletO galo cantou clara nunes

bulletAranha e o tucano

bulletGato mia xuxa

bulletBanzo

Ver todas as Letras de Músicas

Cinema, Filmes e Seriados:


bulletO zelador animal

bulletPeixe grande e suas histórias maravilhosas (big fish)

bulletMeu cachorro skip (my dog skip)

bulletTarzan

bulletRio


Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletO selo da agonia - livro dos cavalos

bulletGato viriato

bulletMarley e eu

bulletCama de gato

bulletO cachorro e o lobo

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos