Home Page > Dicas Veterinárias > O que é diabetes?

O que é diabetes?


A endocrinologia é uma especialização da ciência que estuda as doenças hormonais sediadas em diversas glândulas, quer com relação ao excesso da produção de hormônio, quer na sua deficiência.


O sistema endócrino é aquele que abrange as glândulas endócrinas, isto é, aquelas glândulas que secretam diretamente na corrente sanguínea.
Nos últimos dez anos a endocrinologia evoluiu muito à custa de uma melhor especialização dos médicos veterinários e de testes diagnósticos mais apurados disponíveis nos laboratórios.


A diabetes mellitus é um tipo de enfermidade do sistema endócrino que se caracteriza pela elevação do nível de glicose do sangue. Essa elevação ocorre devido à redução na produção ou da ação de um hormônio denominado de insulina, o qual é produzido no pâncreas por células denominadas de células beta. A falta da insulina ou um defeito na sua ação resulta, portanto, em um acúmulo de glicose no sangue e produz um sintoma chamado hiperglicemia.


Diversas são as condições que podem levar ao diabetes, mas basicamente elas são classificadas em dois grupos:


Tipo 1: É aquela que ocorre devido à destruição das células beta por um processo imunológico, isto é, pela formação de anticorpos pelo próprio organismo contra as células beta, levando a uma deficiência de insulina. Esse tipo de diabetes é mais freqüente nos felinos, cujos sintomas são: fraqueza nos membros (neuropatia periférica), emagrecimento, fome excessiva, desidratação severa, sonolência. Nos quadros mais graves temos a cetoacidose diabética, que é uma complicação na qual a glicose não é mais aproveitada como fonte de energia, levando o animal a óbito.


Tipo2: Nessa forma de diabetes está incluída a grande maioria dos casos caninos. Nesse caso, a insulina que é produzida pelas células beta do pâncreas tem sua ação dificultada, caracterizando um quadro de resistência insulínica. Isso vai levar a um aumento na produção de insulina para tentar manter a glicose em níveis normais. Quando isso não for mais possível, surge o diabetes. A instalação dessa enfermidade é lenta e os sintomas, como aumento da sede e da quantidade de urina, alterações visuais (catarata), perda de peso, desidratação, podem demorar vários meses ou anos para se tornarem evidentes. Se não diagnosticada e tratada a tempo, também leva o animal a óbito.


Portanto, é fundamental um diagnóstico precoce e tratamento adequado pelo médico veterinário, pois a possibilidade de tratamento é maior. Infelizmente os casos clínicos de diabetes mellitus que aparecem nos atendimentos de rotina já estão em estágios bem avançados.


O tratamento básico da diabetes consiste no fornecimento de quantidades adequadas de insulina diariamente em intervalos regulares. A dieta correta é um fator fundamental no tratamento da diabetes mellitus. Recentemente as boas práticas veterinárias recomendam para os cães e gatos diabéticos uma dieta pobre em carboidratos, a qual na fase inicial da doença pode até dispensar o uso da insulina. A razão disso é que os baixos níveis de carboidratos ingeridos reduzem a quantidade de insulina necessária, mantendo a variação de açúcar no sangue baixa e mais previsível.


Medidas relacionadas à melhoria dos cuidados dispensados aos cães e gatos através de uma alimentação conveniente, de vacinações e vermifugações regulares, além de medicamentos e suplementos mais eficazes têm proporcionado na atualidade um aumento da longevidade. Com isso as endocrinopatias passaram a representar uma importante parcela de todas as patologias que acometem cães e gatos idosos.


Para aumentar o tempo de vida com qualidade dos cães e gatos idosos é recomendável que sejam feitos exames regulares de glicemia, principalmente nos animais suspeitos, para que prontamente medidas preventivas sejam tomadas.



http://policlinicaveterinaria.com.br/o que e diabetes/

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletVerdade

bulletTchuco no tchaco

bulletFrevo do galo almir rouche

bulletChora viola

bulletTrevo (tu)



Dicas Veterinárias:

bulletCães que latem demais

bulletMeu cão late demais!

bulletFractura do dente em cães

bulletQue tamanho vai ficar meu filhote?

bulletDeslocamento rótula em cães



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Magda Izidio de Souza, Médica Veterinária>

bullet UniversoEquino.com.br
Médica Veterinaria Mariana Marcantonio Coneglian CRMV PR 07428>

bullet Carlos Almeida carlos henrique l n almeida
consultor da cobrap - confederação brasileira de criadores de pássaros
www.carduelis.bio.br
carduelis@carduelisbiobr>

bullet Susana Reinhardt Cintra Superintendente do Serviço de Registro Genealógico da Raça Bret?o, Zootecnista. ABCCBret?o (19) 38077974/ 97154545 (Susana). Email: cavalobretao@uol.com.br. André Galv?o Cintra Presidente da ABBCBret?o e Criador>

bullet Dr. Ciro Pinheiro Mathias Franco Medico Veterinário atuante em odontologia eqüina. Cel. (11) 9814 6666 E mail: ciromedvet@ig.com.br>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletManda-chuva o filme (don gato y su pandilla)

bulletÁgua para elefantes

bulletThe batman (1943)

bulletBatman returns (1992)

bulletCaninos brancos



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletO estranho caso do cachorro morto

bulletCachorro tem cada uma

bulletA princesa e o sapo

bulletUm gato indiscreto e outros contos

bulletOs segredos dos gatos tudo para entender e ensinar o seu companheiro

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos