Digite aqui a palavra-chave.





Home Page > Raças & Espécies > Cães > Foxhound americano

pinterest



Foxhound americano

 FOXHOUNDAMERICANO

País de origem: Estados Unidos da América
Nome no país de origem: American Foxhound
Utilização: Caça
Sujeito à prova de trabalho para Campeonato Internacional.
CABEÇA: deve ser bastante longa, ligeiramente abobadada no occipital.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: largo e cheio.
Stop: moderadamente defi nido.
REGIÃO FACIAL
Focinho: de bom comprimento, reto e de forma quadrada.
Olhos: grandes, inseridos bem separados, ternos como de um hound; expressão gentil
e suplicante. De cor marrom ou avelã.
Orelhas: inseridas moderadamente baixas, longas, atingindo a ponta do nariz quando
esticadas; de textura fi na; bastante largas, com ausência de força erétil; bem ajustadas
à cabeça, com as bordas anteriores ligeiramente viradas para as bochechas; pontas
arredondadas.
PESCOÇO: subindo livre e ligeiramente dos ombros; bastante substancioso, sem
ser pesado; de comprimento médio. Seca na garganta e livre de barbelas. Entretanto,
uma ligeira ruga abaixo do ângulo do maxilar, é permitida.
TRONCO
Dorso: moderadamente longo, musculoso e forte.
Lombo: largo e ligeiramente arqueado.
Peito: deve ser profundo para dar lugar aos pulmões, porém estreito em relação
à profundidade, quando comparado ao Foxhound Inglês, 71 cm de perímetro é
considerado bom em um cão de 58 cm de altura.
Costelas: bem arqueadas; as últimas costelas devem se estender bem para trás.
Flancos: um fl anco de 7,6 cm proporciona elasticidade.
CAUDA: inserida moderadamente alta; portada alegremente, com uma ligeira curva,
mas não sobre o dorso; com uma ligeira pelagem em pincel.
MEMBROS
Anter iores: retos, com boa ossatura.
Ombros: inclinados, bem defi nidos, musculosos, nem pesados, nem grosseiros,
demonstrando liberdade de movimentos com atividade e força.
Metacarpos: curtos e retos.
Patas: semelhante as da raposa. Dedos bem arqueados, unhas fortes, almofadas cheias
e duras.
Posteriores
Quadr is e coxas: fortes e musculosos, demonstrando grande poder de propulsão.
J oelhos: fortes e bem descidos.
J arretes: fi rmes, com angulações simétricas e moderadas.
Patas: fechadas e fi rmes.
PELAGEM
Pêlos: fechados; pelagem dura típica de Hound; de comprimento médio.
COR: qualquer cor.
TAMANHO
os machos não devem ter menos de 56 cm ou mais de 63,5 cm.
as fêmeas não devem ter menos de 53 cm ou mais de 61 cm.
a medida deverá ser tomada, da ponta da cernelha, com o cão em posição natural e
com as patas bem aprumadas abaixo dele.
FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como falta
e penalizado na exata proporção de sua gravidade.
· crânio muito plano, topo estreito, excessivamente abobadado.
· nariz romano ou arrebitado, dando uma expressão dishface.
· focinho longo e pontudo, caindo abruptamente abaixo dos olhos ou muito curto.
6
· olhos pequenos, agudos como de um Terrier; ou proeminentes e protuberantes.
· orelhas curtas, inseridas altas ou com uma tendência a elevaremse
acima da
inserção.
· pescoço grosso, curto, pesado, portado no nível dos ombros. Garganta com barbelas
ou dobras de pele.
· dorso muito longo, selado ou carpeado.
· lombo plano, estreito.
· peito excessivamente largo ou com pouca de profundidade.
· costelas planas.
· cauda longa. Curvada em forma de chaleira ou inclinada para a frente desde a raiz.
Cauda de rato. Completa ausência de pêlos em pincel.
· anteriores tortos.
· ombros retos.
· cotovelos para fora.
· carpo formando uma curva para a frente ou angulado para trás.
· jarretes de vaca ou jarretes retos.
· patas longas, abertas ou espalmadas.
· falta de musculatura e de poder de propulsão.
· pelagem curta, fi na ou de qualidade macia.
ESCALA DE PONTOS
Cabeça
crânio 5
focinho 5
olhos 5
orelhas 5
Tronco
pescoço 5
peito e ombros 15
dorso, lombo e costelas 15
Membros
anteriores 10
quadris, coxas, posteriores 10
Patas 15
Pelagem e Cauda
pêlo 5
cauda 5
TOTAL 100
NOTAS:
· os machos devem apresentar os dois testículos, de aparência normal, bem descidos
e acomodados na bolsa escrotal.
· todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento
deve ser desqualifi cado.

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br & - Todos os direitos reservados - Créditos