Digite aqui a palavra-chave.






Redes Sociais


Instagram

Home Page > Raças & Espécies > Cães > Boiadeiro bernês




Boiadeiro bernês

 BOIADEIROBERNES

País de origem: Suíça
Nome no país de origem: Berner Sennenhund
Utilização: Originalmente cão de guarda, de tração e condução do gado nas fazendas do condado de Berna.
Hoje, também é utilizado como um versátil cão de família e guarda.
Sem prova de trabalho
RESUMO HISTÓRICO: o Boiadeiro Bernês é um cão de fazenda de origem
ancestral, que nos pré-alpes bernenses e na região rural do interior da cidade de
Berna, foi utilizado como cão de guarda, de tração e de rebanho. Originalmente
chamado de Dürrbächler, nome do lugarejo e do albergue de Dürrbäch, próximo a
Riggisberg, onde este boiadeiro tricolor de pelos longos foi especialmente numeroso.
Em 1902, 1904 e 1907, exemplares desta raça foram apresentados em exposições
caninas e em 1907 alguns criadores da região de Burgdorf decidiram promover a
criação destes cães, fundando o “Schweizerischer Dürrbach-Klub” (Clube Suíço de
Dürrbach), fixando os traços característicos da raça. Em 1910, numa exposição em
Burgdorf, onde vários agricultores desta região apresentaram seus cães, já existiam
107 exemplares. A partir desta data, este cão, rebatizado por Boiadeiro Bernês,
seguindo o exemplo de outras raças de boiadeiros suíços, expandiu-se rapidamente
por toda a Suíça e sul da Alemanha.
Hoje o Boiadeiro Bernês é conhecido e apreciado no mundo inteiro como cão de
família, graças a sua admirável pelagem tricolor e a sua grande adaptabilidade.
APARÊNCIA GERAL: de pelagem longa, tricolor, forte e ágil cão de trabalho; de
tamanho médio; com membros vigorosos; harmonioso e bem balanceado.
PROPORÇÕES IMPORTANTES
• em relação à altura na cernelha: comprimento do tronco (medido da ponta do ombro
à ponta da nádega) = 9:10, mais compacto do que longo.
• relação ideal da altura na cernelha: profundidade do peito = 2:1.
COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: confiável, atencioso, vigilante,
corajoso diante de situações do cotidiano; amável e fiel para com a família; seguro de
si e pacífico com estranhos; de temperamento moderado e dócil.
CABEÇA: forte. Balanceada em tamanho com a aparência geral do cão; não muito
maciça.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: visto de frente e de perfil ligeiramente arredondado. Sulco frontal pouco
marcado.
4
Stop: bem definido, mas sem ser muito pronunciado.
REGIÃO FACIAL
Trufa: preta.
Focinho: forte, de comprimento médio; cana nasal reta.
Lábios: bem aderentes; pretos.
Maxilares / Dentes: fortes, completa mordedura em tesoura (os terceiros molares
(M3) não devem ser levados em consideração). Mordedura em torquês é aceitável.
Olhos: marrons escuros, amendoados, com pálpebras bem aderentes. Não inseridos
muito profundos, nem proeminentes. Pálpebras soltas são defeitos.
Orelhas: tamanho médio, inseridas altas, de forma triangular, ligeiramente arredondadas
nas pontas, em repouso, portadas caídas, rentes à cabeça. Em alerta, a parte posterior
da inserção se eleva enquanto as bordas anteriores das orelhas permanecem juntas à
cabeça.
PESCOÇO: forte, musculoso, de comprimento médio.
TRONCO
Linha Superior: descendo ligeiramente do pescoço em direçao à cernelha, em uma
linha harmoniosa, continuando, então, reto e nivelado.
Dorso: firme, reto e nivelado.
Lombo: largo e forte, visto de cima, ligeiramente menos largo do que o peito.
Garupa: suavemente arredondada.
Peito: largo e profundo, chegando até os cotovelos; antepeito distintamente
desenvolvido; caixa torácica de seção longa e oval, se estendendo tão para trás quanto
possível.
Linha inferior: ligeiramente em elevação do peito ao posterior.
5
CAUDA: emplumada cheia, pendendo até o jarrete; em repouso, é portada baixa; em
movimento, eleva-se até o nível do dorso ou pouco acima.
MEMBROS: ossos fortes.
ANTERIORES: vistas de frente, as pernas são retas e paralelas, colocadas afastadas.
Ombros: longos, fortes e bem para trás, formando um ângulo não muito obtuso com
os braços; bem articulados ao peito e bem musculosos.
Braços: longos, colocados oblíquos.
Cotovelos: bem aderentes, não virando nem para dentro, nem para fora.
Antebraços: fortes e retos.
Metacarpos: vistos de perfil, quase verticais, firmes; vistos de frente, em linha reta
com os membros anteriores.
Patas: curtas, arredondadas; com dedos fechados e bem arqueados. Não virando
nem para dentro, nem para fora.
POSTERIORES: vistos por trás, são retos e paralelos, não muito próximos.
Coxas: longas, largas, fortes e bem musculosas.
Joelhos: bem angulados.
Pernas: longas e oblíquas.
Articulação dos jarretes: fortes e bem anguladas.
Metatarsos: quase verticais. Ergôs devem ser removidos (exceto em alguns países
onde são proibidos por lei).
Patas: ligeiramente menos arqueadas que as patas anteriores, não virando nem para
dentro, nem para fora.
MOVIMENTAÇÃO: saudável e balanceada em todos os movimentos, cobrindo
muito terreno; passos livres, alcançando bem para a frente, com boa propulsão nos
posteriores; no trote, indo e vindo, as pernas se movem em uma linha reta.
6
PELAGEM
Pelo: longo, brilhante, reto ou ligeiramente ondulado.
COR: preto intenso, com manchas castanho avermelhado, nas bochechas, acima
dos olhos, nos quatro membros, no peito e com manchas brancas assim distribuídas:
• manchas brancas na cabeça, claramente definidas e simétricas: uma listra que se
alarga em direção à trufa, em ambos os lados do focinho; a listra não deve atingir as
manchas castanhas acima dos olhos; e as manchas brancas do focinho não devem
ultrapassar as comissuras labiais.
• manchas brancas moderadamente largas, contínuas na garganta e no peito.
• Desejado: patas brancas.
ponta da cauda branca.
• Tolerado: pequenas manchas brancas na nuca.
pequenas manchas brancas sob a cauda.
TAMANHO
Altura na cernelha: machos: 64 a 70 cm. ideal: 66 a 68 cm.
fêmeas: 58 a 66 cm. ideal: 60 a 63 cm.
FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como falta e
penalizado na exata proporção de sua gravidade.
• comportamento inseguro.
• ossatura fina.
• inserção irregular dos incisivos contanto que a mordedura fique correta.
• ausência de qualquer outro dente do que os 2 PM1(pré-molares l); os M3 (molares
3) não devem ser considerados.
• Pelagem:
- pelos distintamente enrolados
- faltas de cor e manchas:
- ausência de branco na cabeça.
- faixa branca muito larga e/ou o branco do focinho chegando bem
atrás das comissuras labiais.
- colar branco.
- grande mancha branca na nuca (diâmetro maior do que 6 cm).
7
- mancha branca sob a cauda (tamanho máximo de 6 cm).
- manchas brancas nas pernas dianteiras alcançando distintamente atrás
na metade dos metacarpos (botas).
- manchas brancas assimétricas que prejudiquem na cabeça ou no peito.
- pequenas manchas pretas ou listas pretas dentro do branco no peito.
- branco “sujo” (fortes manchas de pigmentação).
- pelagem preta com um toque de marrom ou vermelho.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Deixe seu comentários :






Profissionais Colunistas


bullet  Carlos Cava
Cava criadouro de aves rua guerino lubiani, 201 – vila verde
piracicaba - sp - cep 13420-850 f : (19) 3424-2084 / 3424-3206 / 9782-1065 e-mail : aves@cava.com.br
http://www.cava.com.br

bullet  sergio villa santi svillasanti@aolcom
embaixador da oster no brasil
república dos cães
avorozimbo maia, 1515, cambui, campinas/sp
fone: (19) 3255-1578

bullet  Rita Ericson http://bichosaudavel.com/anestesia-em- caes-e-gatos/

bullet  Karine Kleine www.grupokleine.com.br

bullet   Marco Antonio Gioso FMVZ USP

Confira todos os Colunistas

Sugestão de nomes para filhotes:



bullet  Sasha bullet  Ikebullet  Dexterbullet  Bubbybullet  Elba
Confira todas as sugestões de nomes



Perguntas mais frequentes


bullet  Conteudo Animal são gratuítos aos leitores ?

bullet  Como ajudar o ConteudoAnimal.com.br ?

bullet  Como anunciar no ConteudoAnimal.com.br ?

bullet  Quais as formar de anunciar no Conteudo Animal?

bullet  Eu não encontrei material sobre meu pet ?

Ver todas perguntas mais frequentes

Dicas Veterinárias:


bullet  Acupuntura na doença renal

bullet  Troque chocolate por carinho

bullet  Estreitamento passagem nasal em cães

bullet  Choque hipovolêmico em cães

bullet  Hipoplasia de esmalte

Ver todas as Dicas Veterinárias

Letras de Música:


bullet  Carneirinho, carneirão

bullet  A balada do cachorro louco lenine

bullet  Clara crocodilo arrigo barnabé

bullet  Serpente - chiko queiroga

bullet  Serpente

Ver todas as Músicas

Cinema, Filmes e Seriados:


bullet  K9 - um policial bom pra cachorro

bullet  O cavalo amarelo (marple: the pale horse)

bullet  Amor pra cachorro (year of the dog)

bullet  As crônicas de nárnia - o leão, a feiticeira e o guarda-roupa

bullet  Aquele gato danado (that darn cat!)

Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bullet  O gato e a revolução

bullet  Um gato entre os pombos

bullet  Um gato aprende a morrer

bullet  Passaros sao eternos, os

bullet  Sucesso na criaçao de passaros canarios e periquitos

Ver todos os Livros

Declaração Universal dos Direitos dos Animais



Curiosidades do dia a dia :

bullet  Fazer Bichas --> praticar travessuras

bullet  lagarto --> tipo de carne bovina

bullet  Tartarugas --> Usadas para delimitar faixas de rodagem em ruas e rodovias

bullet  gato pingado --> quando comparece pouco público para um evento.

bullet  Animalaço --> Ignorante

Confira todas as curiosidade do cotidiano



Encurtador de URL:

URL:

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br & - Todos os direitos reservados - Créditos