Digite aqui a palavra-chave.






Redes Sociais


Instagram

Home Page > Raças & Espécies > Cães > Boiadeiro bernês




Boiadeiro bernês

 BOIADEIROBERNES

País de origem: Suíça
Nome no país de origem: Berner Sennenhund
Utilização: Originalmente cão de guarda, de tração e condução do gado nas fazendas do condado de Berna.
Hoje, também é utilizado como um versátil cão de família e guarda.
Sem prova de trabalho
RESUMO HISTÓRICO: o Boiadeiro Bernês é um cão de fazenda de origem
ancestral, que nos pré-alpes bernenses e na região rural do interior da cidade de
Berna, foi utilizado como cão de guarda, de tração e de rebanho. Originalmente
chamado de Dürrbächler, nome do lugarejo e do albergue de Dürrbäch, próximo a
Riggisberg, onde este boiadeiro tricolor de pelos longos foi especialmente numeroso.
Em 1902, 1904 e 1907, exemplares desta raça foram apresentados em exposições
caninas e em 1907 alguns criadores da região de Burgdorf decidiram promover a
criação destes cães, fundando o “Schweizerischer Dürrbach-Klub” (Clube Suíço de
Dürrbach), fixando os traços característicos da raça. Em 1910, numa exposição em
Burgdorf, onde vários agricultores desta região apresentaram seus cães, já existiam
107 exemplares. A partir desta data, este cão, rebatizado por Boiadeiro Bernês,
seguindo o exemplo de outras raças de boiadeiros suíços, expandiu-se rapidamente
por toda a Suíça e sul da Alemanha.
Hoje o Boiadeiro Bernês é conhecido e apreciado no mundo inteiro como cão de
família, graças a sua admirável pelagem tricolor e a sua grande adaptabilidade.
APARÊNCIA GERAL: de pelagem longa, tricolor, forte e ágil cão de trabalho; de
tamanho médio; com membros vigorosos; harmonioso e bem balanceado.
PROPORÇÕES IMPORTANTES
• em relação à altura na cernelha: comprimento do tronco (medido da ponta do ombro
à ponta da nádega) = 9:10, mais compacto do que longo.
• relação ideal da altura na cernelha: profundidade do peito = 2:1.
COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: confiável, atencioso, vigilante,
corajoso diante de situações do cotidiano; amável e fiel para com a família; seguro de
si e pacífico com estranhos; de temperamento moderado e dócil.
CABEÇA: forte. Balanceada em tamanho com a aparência geral do cão; não muito
maciça.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: visto de frente e de perfil ligeiramente arredondado. Sulco frontal pouco
marcado.
4
Stop: bem definido, mas sem ser muito pronunciado.
REGIÃO FACIAL
Trufa: preta.
Focinho: forte, de comprimento médio; cana nasal reta.
Lábios: bem aderentes; pretos.
Maxilares / Dentes: fortes, completa mordedura em tesoura (os terceiros molares
(M3) não devem ser levados em consideração). Mordedura em torquês é aceitável.
Olhos: marrons escuros, amendoados, com pálpebras bem aderentes. Não inseridos
muito profundos, nem proeminentes. Pálpebras soltas são defeitos.
Orelhas: tamanho médio, inseridas altas, de forma triangular, ligeiramente arredondadas
nas pontas, em repouso, portadas caídas, rentes à cabeça. Em alerta, a parte posterior
da inserção se eleva enquanto as bordas anteriores das orelhas permanecem juntas à
cabeça.
PESCOÇO: forte, musculoso, de comprimento médio.
TRONCO
Linha Superior: descendo ligeiramente do pescoço em direçao à cernelha, em uma
linha harmoniosa, continuando, então, reto e nivelado.
Dorso: firme, reto e nivelado.
Lombo: largo e forte, visto de cima, ligeiramente menos largo do que o peito.
Garupa: suavemente arredondada.
Peito: largo e profundo, chegando até os cotovelos; antepeito distintamente
desenvolvido; caixa torácica de seção longa e oval, se estendendo tão para trás quanto
possível.
Linha inferior: ligeiramente em elevação do peito ao posterior.
5
CAUDA: emplumada cheia, pendendo até o jarrete; em repouso, é portada baixa; em
movimento, eleva-se até o nível do dorso ou pouco acima.
MEMBROS: ossos fortes.
ANTERIORES: vistas de frente, as pernas são retas e paralelas, colocadas afastadas.
Ombros: longos, fortes e bem para trás, formando um ângulo não muito obtuso com
os braços; bem articulados ao peito e bem musculosos.
Braços: longos, colocados oblíquos.
Cotovelos: bem aderentes, não virando nem para dentro, nem para fora.
Antebraços: fortes e retos.
Metacarpos: vistos de perfil, quase verticais, firmes; vistos de frente, em linha reta
com os membros anteriores.
Patas: curtas, arredondadas; com dedos fechados e bem arqueados. Não virando
nem para dentro, nem para fora.
POSTERIORES: vistos por trás, são retos e paralelos, não muito próximos.
Coxas: longas, largas, fortes e bem musculosas.
Joelhos: bem angulados.
Pernas: longas e oblíquas.
Articulação dos jarretes: fortes e bem anguladas.
Metatarsos: quase verticais. Ergôs devem ser removidos (exceto em alguns países
onde são proibidos por lei).
Patas: ligeiramente menos arqueadas que as patas anteriores, não virando nem para
dentro, nem para fora.
MOVIMENTAÇÃO: saudável e balanceada em todos os movimentos, cobrindo
muito terreno; passos livres, alcançando bem para a frente, com boa propulsão nos
posteriores; no trote, indo e vindo, as pernas se movem em uma linha reta.
6
PELAGEM
Pelo: longo, brilhante, reto ou ligeiramente ondulado.
COR: preto intenso, com manchas castanho avermelhado, nas bochechas, acima
dos olhos, nos quatro membros, no peito e com manchas brancas assim distribuídas:
• manchas brancas na cabeça, claramente definidas e simétricas: uma listra que se
alarga em direção à trufa, em ambos os lados do focinho; a listra não deve atingir as
manchas castanhas acima dos olhos; e as manchas brancas do focinho não devem
ultrapassar as comissuras labiais.
• manchas brancas moderadamente largas, contínuas na garganta e no peito.
• Desejado: patas brancas.
ponta da cauda branca.
• Tolerado: pequenas manchas brancas na nuca.
pequenas manchas brancas sob a cauda.
TAMANHO
Altura na cernelha: machos: 64 a 70 cm. ideal: 66 a 68 cm.
fêmeas: 58 a 66 cm. ideal: 60 a 63 cm.
FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como falta e
penalizado na exata proporção de sua gravidade.
• comportamento inseguro.
• ossatura fina.
• inserção irregular dos incisivos contanto que a mordedura fique correta.
• ausência de qualquer outro dente do que os 2 PM1(pré-molares l); os M3 (molares
3) não devem ser considerados.
• Pelagem:
- pelos distintamente enrolados
- faltas de cor e manchas:
- ausência de branco na cabeça.
- faixa branca muito larga e/ou o branco do focinho chegando bem
atrás das comissuras labiais.
- colar branco.
- grande mancha branca na nuca (diâmetro maior do que 6 cm).
7
- mancha branca sob a cauda (tamanho máximo de 6 cm).
- manchas brancas nas pernas dianteiras alcançando distintamente atrás
na metade dos metacarpos (botas).
- manchas brancas assimétricas que prejudiquem na cabeça ou no peito.
- pequenas manchas pretas ou listas pretas dentro do branco no peito.
- branco “sujo” (fortes manchas de pigmentação).
- pelagem preta com um toque de marrom ou vermelho.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Deixe seu comentários :






Profissionais Colunistas


bullet  Helena Monkevic Casarin clinica veterinária Julius 19 996242435 Av. José Pancetti 887 Jd. Aurelia , Campinas/SP

bullet  monica gil www.monijil.nom.br/canil caocia@globocom fone: (21) 2260 9427

bullet  Fernanda Aparecida de Gouvêa Oliveira Paro bióloga e crbio 43684/01 protetora animal independente educadora ambiental nanda_paro@yahoocombr

bullet  Chani Blue http://www.epochtimes.com.br/equoterapiaeficazcombateproblemaspsicologicos/

bullet  Marcelo Augusto Especialista em Reprodução Equina CRMV SP 16223 http://www.hippusgenesis.com.br/

Confira todos os Colunistas

Sugestão de nomes para filhotes:



bullet  Nando bullet  Vitaminabullet  Justbullet  Tibúrciobullet  Itapuã
Confira todas as sugestões de nomes



Perguntas mais frequentes


bullet  Eu não encontrei material sobre meu pet ?

bullet  Conteudo Animal são gratuítos aos leitores ?

bullet  Quem escreve para o ConteudoAnimal.com.br ?

bullet  Eu posso hospedar meu site no portal Conteudo Animal ?

bullet  Como anunciar no ConteudoAnimal.com.br ?

Ver todas perguntas mais frequentes

Dicas Veterinárias:


bullet  Meu cão não quer comer ração!!

bullet  Por que os cães cavam?

bullet  Agility: esporte ou lazer?

bullet  Chocolate, um veneno para seu pet

bullet  A doença articular degenerativa em cães

Ver todas as Dicas Veterinárias

Letras de Música:


bullet  Aranha e o tucano

bullet  Luz do meu samba

bullet  Pássaro da Noite

bullet  Idosa salva pássaro ferido e faz viagem de trem com animal na bolsa

bullet  Os 50 anos de os pássaros”, de alfred hitchcock

Ver todas as Músicas

Cinema, Filmes e Seriados:


bullet  Amor pra cachorro (year of the dog)

bullet  A maldição dos gatos (the uncanny

bullet  O cachorro que salvou o natal (the dog who saved christmas)

bullet  K-9 - um policial bom pra cachorro (k-9)

bullet  Rio

Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bullet  4 vidas de um cachorro

bullet  Explicação dos pássaros

bullet  O gato e a revolução

bullet  O estranho caso do cachorro morto

bullet  Memorias de um gato

Ver todos os Livros

Declaração Universal dos Direitos dos Animais



Curiosidades do dia a dia :

bullet  lagarto --> tipo de carne bovina

bullet  mico --> situação de vexame em público

bullet  gatafunchar --> rabiscar

bullet  Olhos de Tigre ou de Águia --> Visão apurada

bullet  Antena --> Instrumento que auxilia a sintonização de rádio, tv sistemas de GPS, sistema celular

Confira todas as curiosidade do cotidiano



Encurtador de URL:

URL:

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br & - Todos os direitos reservados - Créditos