Digite aqui a palavra-chave.






Redes Sociais


Instagram



Home Page > Notícias > Quitandas diversificam produtos para ganhar mercado




Quitandas diversificam produtos para ganhar mercado


As tradicionais quitandas agregam serviços para atender ao consumidor. Com mais opçóes, driblam a concorrência com os supermercados e feiras livres.

Uma quitanda que quase virou um supermercado. Lá tem de tudo: frutas, verduras, carne, produtos para mercearia e até pet shop. O dono é o japonês Sussumu Onishi: um empresário que aprendeu a tirar o máximo de um negócio.

ldquo;A gente começou a incrementar a quitanda com produtos para fazer uma feira só. Assim, o cliente chega aqui e não precisa sair para o supermercado rdquo;, explica Onishi.

A quitanda existe desde 2002. Fica em um galpão alugado, de 800 metros quadrados. O empresário subloca parte do espaço para pequenas lojas, que vendem frios e laticínios. Com isso, ele recupera 30 % do valor do aluguel.

Hoje, para montar um negócio como este, o empresário calcula um investimento de pelo menos R$ 100 mil. A quitanda é responsável pela maior parte do faturamento: 60%. Lá, frutas, verduras e legumes chegam todos os dias.

O desafio de vender hortifruti é lidar com as perdas que no verão chegam a 20%, mas lá, parte dos produtos maduros tem destino certo. Eles são lavados, cortados e embalados e o que seria perda se transforma na seção mais lucrativa do negócio. Bandejas de saladas de frutas ganham vida útil na geladeira e são vendidas pelo triplo do preço do produto inteiro.

As bandejas coloridas e bem montadas atraem o consumidor que busca praticidade.


ldquo;Eu levo para o trabalho, almoço e em seguida já como a fruta. Sem ter o trabalho de lavar, cortar. Então realmente é muito mais prático rdquo;, diz a cliente Débora Domingos.

Já a mercearia tem mais de 500 itens. São artigos com prazo de validade longo e o estoque é bom. Desde produtos de limpeza a enlatados, doces, orgânicos e até panelas.
Com tanta variedade, o empresário enfrenta a concorrência de supermercados e até feiras livres. Na frente da quitanda, também tem o tradicional pastel.

ldquo;Já faço a compra e aproveito para comer um pastel da Dona Maria rdquo;, avisa o cliente Rogério Féliz.

Lanchonete integrada


Um outro negócio é mais um exemplo de bom aproveitamento do potencial de mercado. No início, os empresários Marco Aurélio e Noemi Novais tinham só uma banquinha de frutas. Mas logo descobriram que o negócio podia ser maior. Em 2004, eles montaram uma lanchonete integrada.

ldquo;A lanchonete dobrou o faturamento. O cliente que vinha buscar o serviço de frutas passou a consumir lanches e sucos. Foi muito bom rdquo;, elogia Noemi.

O investimento para montar uma lanchonete - quitanda é de R$ 25 mil. O dinheiro inclui mobiliário, balcão e equipamentos de cozinha.

A lanchonete tem 50 metros quadrados, capacidade para 30 lugares e funciona até as 22h. As vendas são tímidas no frio, e triplicam no verão, com a criatividade dos empresários.

ldquo;No verão, nós colocamos o coco. Servimos o coco verde mesmo. Em média, vendemos 200 cocos por dia e também os sucos naturais que saem bastante rdquo;, conta a empresária.

Com as mesmas frutas saem mais de 50 tipos de sucos da lanchonete, sem contar as saladas de frutas ou porçóes. E a lucratividade aumenta. Um abacaxi inteiro, por exemplo, que custa R$ 5, se transforma em quatro pedaços vendidos a R$ 2 cada.

Aumento de 60 % no valor de venda.

O negócio atende 400 clientes por mês. O sucesso deve-se às facilidades criadas para o consumidor, e até entregues na casa do cliente.

ldquo;Compro tudo já picadinho, nos saquinhos. O abacaxi já me traz descascado rdquo;, avisa a cliente Dilce Ferreira.

Hoje a lanchonete-quitanda é uma lição de negócio para outros pequenos empresários. Um exemplo de quem começou sem dinheiro, mas soube enxergar e aproveitar as oportunidades.

ldquo;O tempo passa e mais se fala em saúde e alimentação saudável. E tudo isso leva a crer que quanto mais produtos saudáveis houver, mais serão vendidos rdquo;, garante Marco Aurélio.



Fonte da Notícia: http://tv.pegn.globo.com/Jornalismo/PEGN/0,,MUL1621645-17958,00-QUITANDAS+DIVERSIFICAM+PRODUTOS+PARA+GANHAR+MERCADO.html



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:




Leia também :

Raças & Espécies



Setter inglês

Setter inglês

Angora

Angora

Sapo Boi

Sapo Boi

MangaLarga Marchador

MangaLarga Marchador

Camaleao Gigante

Camaleao Gigante

escorpiao amarelo

escorpiao amarelo

Caboclinho-de-papo-escuro

Caboclinho-de-papo-escuro

Cauda de lira

Cauda de lira

Tartaruga folha

Tartaruga folha

Roboroviski

Roboroviski

Sugestão de nomes para filhotes:



  Juju   Vago  Ozzy  Jordan  Herman
Confira todas as sugestões de nomes



Perguntas mais frequentes


  Quem escreve para o ConteudoAnimal.com.br ?

  Eu sou vet ou profissional do ramo e quero incluir dicas veterinárias

  As informações no ConteudoAnimal.com.br substituiem consulta veterinária?

  Quantas pessoas acessam o conteudoanimal.com.br, diariamente, mensalmente, anualmente ?

  Quantos leitores acessam ConteudoAnimal.com.br ?

Ver todas perguntas mais frequentes

Dicas Veterinárias:


  Como escolher um veterinário qualificado para cuidar da saúde do seu animalzinho?

  Caudectomia cirurgias mutilantes em cães e gatos

  Pneumonia (bacteriano) em cães

  Doença renal policística em cães

  Cão terapia

Ver todas as Dicas Veterinárias

Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores


  Rafael Claro Marques (CRMVSP 18.849) é médico veterinário e pósgraduado em Clínica Médica de Pequenos Animais dr.rafael@clinicapontegrande.com.br

  Revista Cães e cia

  Marina Milos http://www.geocities.com/RainForest/6327/pag2.htm

  Susana Reinhardt Cintra Superintendente do Serviço de Registro Genealógico da Raça Bretão, Zootecnista. ABCCBretão (19) 38077974/ 97154545 (Susana). Email: cavalobretao@uol.com.br. André Galvão Cintra Presidente da ABBCBretão e Criador

   Juliane Seixas Juliane Seixas Website.: www.facebook.com/veterinariadrajulianeseixas Graduada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR. Atua como plantonista na área clínica e cirurgica de animais de companhia CRMV: 11430 / PR Con

Confira todos os Colunistas

Curiosidades do dia a dia :



  mico --> situação de vexame em público

  Pardal --> Apelido dos aparelhos que medem a velocidade de carros em área controlada.

  Bico --> Monge budista que vive de esmolas Fazer Trabalho temporário

  Golfinho --> Estilo de Natação

  Cavalo(a) --> Pessoa grosseira , sem educação

Confira todas as curiosidade do cotidiano

Letras de Música com temas Animais:


  Preciso me encontrar

  Procissão

  Pedro, o pescador

  A vaca já foi pro brejo tião carreiro e pardinho

  Pássaro Livre

Ver todas as Músicas

Cinema, Filmes e Seriados:


  No olho do gato (dans l oeil du chat)

  Batman forever (1995)

  Vinte mil léguas submarinas

  Manda-chuva – o filme (don gato y su pandilla)

  Madagascar iii

Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

  97 maneiras de fazer seu cachorro sorrir

  Pássaros amarelos

  Explicação dos pássaros

  A arca de noé

  O gato de botas

Ver todos os Livros

Declaração Universal dos Direitos dos Animais





Deixe seu comentários :


Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br & - Todos os direitos reservados - Créditos