Digite aqui a palavra-chave.





Home Page > Dicas Veterinárias > Porque o cão destrói objetos em casa?

pinterest



Porque o cão destrói objetos em casa?


Destruir e morder são comportamentos normais do cão, assim como cheirar objetos e plantas, brincar e cavar. É muito comum um cachorro destruir o sofá porque está tentando encontrar um brinquedo que está em baixo da almofada ou pisar em cima de flores e destruir o jardim quando estava caçando um bichinho, correndo e brincando ou até mesmo morder portas ou janelas perto da cerca de um vizinho que tem outros cães somente para marcar seu território. Porém, dependendo da intensidade e da frequência disso, estes comportamentos podem se tornar um transtorno aos tutores. Os motivos são:


1 – O cão está entediado: Esse é o motivo mais comum, que pode ser resolvido com atividades físicas como passeios diários e brincadeiras. Destruir, cavar e morder são comportamentos mais comuns em cães, especialmente filhotes, cheios de energia pra gastar. Geralmente acontecem por que o cão está conhecendo e investigando o ambiente, brincando, vasculhando lixo, comendo. Pode acontecer também por causa do surgimento dos dentes (coçando a gengiva) e se ele está tentando fugir do confinamento (se está separado em algum cômodo, canil, entre outros). São comportamentos naturais da espécie. O que acontece é que, se o cão não é estimulado o suficiente, física e mentalmente, ele ficará entediado, apresentará frustação, ansiedade e solidão. O cachorro necessita de atividades físicas regulares como passeios diários e brincadeiras.


2 – O cão não tem outras opções: É simplesmente porque naquela situação parecia ser o lugar e o objeto mais interessantes e que tinha o cheiro mais agradável. E especialmente porque não havia outra opção mais legal, uma novidade, um brinquedo com a textura que mais gosta, com o cheiro preferido. Se existisse um brinquedo diferente, disponível no local, e ainda mais, se fosse uma novidade, o cão com certeza teria mordido e destruído o brinquedo ao invés daquele móvel. O cão precisa de opções de brinquedos e de mais estimulação.


3 – O cão é incentivado a morder: Um estímulo punidor para um cão pode não ser um estímulo punidor para outro, pois isso dependerá da história de vida de cada um e como é tratado em casa. Isso porque não existe uma definição única do que é um estímulo punidor ou reforçador, já que cada indivíduo terá reforçadores diferentes, a não ser os primários: água, comida, sexo, controle. Dependendo do animal, uma das situações pode ocorrer: ou a pessoa está punindo o comportamento de morder (fala intensa, mas não agressiva), ou está reforçando comportamento de morder (fala doce e motivadora).


4 – O cão simplesmente está com fome: Alguns cães podem morder coisas por causa de uma alimentação deficiente em alguma substância ou porque estão com fome devido a uma dieta. Se o cachorro começou a morder tudo depois que começou a fazer uma dieta, trocou de ração e/ou tipo de alimentação ou está sofrendo de algum problema de saúde relacionado ao metabolismo e/ou alimentação, este pode ser o caso. Mas, e se o seu cachorro só destrói uma coisa em particular, que tem um cheiro ou gosto bem específico, é possível, que ele tenha um gosto bem apurado para esse material e simplesmente goste de morder esse tipo de objeto.


5 – O cão está cuidando do seu território: Se o cão está arranhando todo o portão próximo à porta do vizinho, destruindo a grama próxima à cerca, mordendo toda a cortina da janela, raspando o piso deste local, ele está simplesmente protegendo seu espaço. Os cachorros que destroem devido ao fato, geralmente também fazem marcação com urina. O cão destrói tudo quando está cuidando do espaço.


6 – O cão está sofrendo de algum problema comportamental: Alguns problemas comportamentais podem levar o animal a destruir a casa, morder objetos, revirar o lixo, entre outros. O comportamento vai acontecer de maneiras diferentes dependendo do caso.


• Ansiedade de separação: o cão só destrói quando está sozinho em casa.


• Medos ou Fobias: é muito comum cães com muito medo de sons, como fogos de artifício, trovões, chuva, arranharem as portas ou locais de saída. Muitas vezes isso acontece na tentativa de fugir daquele ambiente.


• Compulsão: são comportamentos repetitivos e exagerados, que dependendo de como ocorrem, podem representar uma doença compulsiva. É possível que o comportamento de morder, cavar, destruir, se for muito exagerado, seja considerado um transtorno compulsivo.


7 – O cão pode apresentar problemas médicos: Alguns problemas de saúde podem levar os cães a morderem, lamberem ou sugarem objetos. Se o cachorro de um dia para o outro começou a apresentar esses comportamentos, ou se começou a beber muita água, fazer muito xixi, comer muito ou perder peso, é importante levá-lo ao médico veterinário. Alguns problemas médicos podem ser:


• Problemas bucais, como irritação na gengiva;
• Problemas gastrointestinais,
• Problemas neurológicos;
• Problemas metabólicos, especialmente se bebe muita água e faz muito xixi, come muito, perdeu peso.


Muito cães não são estimulados de forma adequada, pois não possuem canais de escape, não conseguindo dar vazão aos comportamentos normais, como caminhar, correr, cheirar, ver coisas novas. Daí surgem os comportamentos menos desejáveis para preencher esse vazio, levando até a quadros compulsivos. Devido ao fato, é necessário uma rotina diária de atividades físicas como passeios longos e interação com outros cães, lembrando que passeios de 10-15 min e/ou passeios de final de semana não são suficientes, muito menos um quintal grande, onde o cão já marcou como território e não há mais novidades.


Além dos passeios diários, é importante disponibilizar brinquedos ao cão, que sejam seguros (que não possam ser engolidos), resistentes, educativos e que criem desafios mentais, alternando-os a cada semana para que sempre sejam uma novidade, assim como não deixar acessíveis objetos que ele goste de mastigar e que não pode morder.



https://www.facebook.com/Marcelo.Medeiros.DOGWalker/posts/473975952955096:0

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados


Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Letras de Música com temas Animais:

bullet  Vaca estrela e boi fubá

bullet  Desafio dos cobras teixeirinha

bullet  Faroeste cabloco

bullet  Gato pensa? Adriana Calcanhotto

bullet  Ê boi

Ver todas as Músicas

Dicas Veterinárias:

bullet  A importância da recompensa

bullet  Narcolepsia e cataplexia em cães

bullet  O que responder quando seu filho lhe diz: eu quero 1 bichinho de estimação

bullet  Nervo óptico inchaço em cães

bullet  Partículas na urina em cães

Ver todas as Dicas Veterinárias

Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet  Policlnica Veterinria de Cotia Av. Ralf Boli, 25 Granja Carolina, Cotia SP Tel.: 11 46162677

bullet  https://animais.umcomo.com.br/artigo/como evitar a queda de pelo de cachorro 6278.html

bullet  Dalton A. Ishikawa Médico Veterinário CRMVSP 9235 www.pediatriacanina.com.br dr_dalton@pediatriacanina.com.br

bullet  Pet Anjo https://petanjo.com/blog/voce deixa seu cachorro cheirar tudo em volta/

bullet  Alexandre Cury Instrutor de Hipismo
centro hípico mirassol
(19) 32460423 ? 91322162
e-mail: mrpccury@uol.com.br

Confira todos os Colunistas



Cinema, Filmes e Seriados:

bullet  Loup - uma amizade para sempre

bullet  O gato do espaço (the cat from outer space)

bullet  O encantador de cavalos / o senhor dos cavalos (the horse whisperer)

bullet  Um natal bom pra cachorro (chilly christmas)

bullet  Silver a lenda do cavalo prateado the silver brumby

Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bullet  Quem e mais feliz: voce ou o seu cachorro?

bullet  O homem que amava os cachorros

bullet  Marley e eu

bullet  Um gato indiscreto e outros contos

bullet  Os passaros e suas doencas

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br & - Todos os direitos reservados - Créditos